Sem saber que era procurado, condenado por estelionato no Tocantins é preso após abordagem da PRF no Pará  

R.C.B, foi preso na BR-155, no Estado do Para, após uma abordagem da Polícia Rodoviária Federal (PRF). Segundo a polícia, ele trafegava em um veículo com outras duas pessoas, na rodovia entre Marabá e Eldorado do Carajás.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Ao se identificar para os policiais, ficou constatado que havia um mandado de prisão aberto contra ele, expedido pela justiça de Araguacema Tocantins, pelo crime de estelionato.

O acusado falou que o mandado de prisão se trata do caso de uma empresa que ele trabalhava e que essa, não repassava o pagamento para os clientes, com isso a responsabilidade acabou transferida para ele, que acabou sendo acusado e condenado pelo crime, mesmo sem ter culpas.

Ele disse ainda que a pena foi inferior a três anos, não cabendo assim regime fechado, e que cumpria em regime aberto, e que assinava presença todo mês no Fórum de Araguacema comprovando que não estava foragido, mas que com o fechamento da corte devido a pandemia, não mais compareceu e não se informou sobre a que procedimento tomar com o caso.

Ele disse que se surpreendeu com o mandado e descobriu da pior forma possível, quando seguia para a cidade paraense de Parauapebas.

Comentários do Facebook