Uma ação conjunta realizada, na tarde desta quinta-feira, 13, por Policiais Civis da 1ª e 2ª Delegacias de Polícia de Colinas do Tocantins, sob o comando dos Delegados Dr. Jolberth de Carvalho e Dr. Ronie Augusto Rodrigues, resultou na prisão de Stefannio Araújo Santos, também conhecido como “Conguinha”, 18 anos de idade. Ele é suspeito de assaltar uma joalheria, naquele município, e foi capturado mediante o cumprimento de um mandado de prisão preventiva.

O referido mandado foi representado junto ao Poder Judiciário, pelo Delegado Ronie, após as investigações realizadas pela Polícia Civil apontarem “Conguinha” como sendo o principal suspeito de ter cometido um assalto a uma joalheira localizada no centro da Cidade, por volta das 16hs do último dia 09 de outubro.

Na ocasião, o individuo, em companhia de um adolescente infrator, o qual portava uma arma de fogo subtraiu; 01 (uma) carteira porta documentos, de cor preta, contendo em seu interior os documentos RG, CPF, CNH, Título de eleitor, Cartão dos bancos Bradesco e Caixa, documento CRLV do veículo Space Fox, placa NGC 9815, com vencimento em 08/2014, documento CRLV da carretinha da marca Real Solaris 200, placa MWI 9647, todos os documentos em nome do proprietário do estabelecimento.

Os dois jovens também roubaram a quantia aproximada de R$ 1.100,00 (mil e cem reais) em dinheiro, que estava em uma carteira; 01 (uma) corrente de ouro masculina, modelo de “tijolinhos”, maciça, com pingente de crucifixo em ouro branco e ouro 18k, a qual já foi recuperada, em poder do menor de idade, poucos dias após o crime, juntamente com certa quantia em dinheiro.

Ressalta-se que Stefannio e outros indivíduos vêm sendo monitorados há algum tempo pelos Policias Civis da 1ª e 2ª DP’s de Colinas, que investigam a participação dos mesmos em diversos roubos e furtos ocorridos na cidade nos últimos meses.

No momento do cumprimento do mandado de prisão, fora encontrada em poder de “Conguinha”, uma motocicleta que ele não soube informar a origem, e devido a esse fato, o veículo também foi apreendido e levado para a Delegacia. Ao fazer o levantamento da documentação, os Policiais Civis constataram que a motocicleta era produto de furto, o que ensejou outro procedimento contra Stefannio.

Em seguida, após passar por exame cautelar de integridade física, o acusado foi recolhido na carceragem da cadeia pública de Colinas, onde permanecerá a disposição do Poder Judiciário.

Comentários do Facebook