Uma ação conjunta realizada pela Delegacia de Polinter e Captura do Tocantins com apoio da Polícia Civil de Goiás, resultou na prisão de Denis Silva França, 22 anos. Ele é apontado como um dos suspeitos pelo assassinato do Cabo Dionedith de Oliveira Macedo de 36 anos, fato ocorrido na madrugada do dia 28 de abril de 2013 em Araguaína.

De acordo com informações do Delegado; Reginaldo de Menezes Brito, após uma minuciosa investigação, os agentes da Polinter do Tocantins descobriram que o indivíduo estava morando em Goiânia, cidade para onde havia se mudado logo após o assassinato do Cabo Jhony.

De posse dessas informações, a Polinter enviou à Polícia Goiana, cópias do mandado de prisão, bem como fotografias de Denis e, no último dia 10 de novembro, o individuo foi capturado quando se encontrava na casa de conhecidos, no Setor Guanabara em Goiânia.

Denis foi trazido para Palmas, por uma equipe de Policiais Civis de Goiás, comandados pelo Delegado Dr. Delci Alves da Polinter Goiana, juntamente com Joabe Pereira Lima, 23 anos e Mac David Dias, 37 anos, que também são foragidos da Justiça Tocantinense e haviam sido presos, na capital de Goiás, no dia 1º do corrente mês.

Segundo o Delegado Reginaldo, o homicídio do qual foi vítima o Cabo Jhony, que pertencia ao Comando de Operações Especiais – COE da PM, chocou toda a população de Araguaína e do Estado, haja vista que o policial era muito atuante no combate a criminalidade, na cidade e muito querido e admirado pelos companheiros por sua bravura e dedicação na defesa da lei e da ordem.

“Desde a época dos fatos, toda a Polícia Civil esteve dioturnamente empenhada em capturar e trazer as barras da justiça, as pessoas envolvidas no assassinato covarde do policial Dionedith e, com muito esforço dedicação, conseguimos prender esse indivíduo chamado Denis, que inclusive já foi denunciado pelo MP por participação no crime”, concluiu.

Após os procedimentos cabíveis, o homem foi encaminhado à Casa de Prisão de Palmas onde permanecerá a disposição do Poder Judiciário e, dentro em breve, será recambiado para Araguaína onde deverá responder pelos crimes dos quais é acusado, uma vez que ao chegar em Palmas, nesta tarde, os Policiais da Polinter cumpriram outro mandado em desfavor de Denis, expedido pela Comarca de Araguaína, desta vez pelo crime de roubo.

Joabe também foi recolhido na CPPP onde ficará a disposição da justiça, já que possui mandados de prisão em aberto por crimes de furto e roubo, cometidos em Palmas. Mac David também foi para a Casa de Prisão Provisória da Capital, mas deverá ser recambiado para Guaraí onde tem mandados de prisão em aberto por furto, roubo e tráfico de drogas.

Comentários do Facebook