Delegacia de Araguatins

A Polícia Civil do Estado Tocantins efetuou nessa quinta-feira, 20, a prisão de um indivíduo de 30 anos de idade em Araguatins, norte do Tocantins, em mais uma ação de combate a violência sexual infantil. Ele é suspeito pela prática do crime de estupro e foi capturado, mediante cumprimento a mandado de prisão preventiva expedido pelo juízo da Comarca de Araguatins.

Conforme o Delegado Eduardo Morais Artiaga, no ano de 2018, a vítima registrou que estava sofrendo abusos sexuais. Segundo ele, os abusos aconteciam quando a mãe da vítima saía para trabalhar e ela ficava sozinha. O Delegado relata que foi apurado que a mãe deixava a porta da casa encostada e, aproveitando-se disso, o vizinho entrava e a molestava a adolescente, mesmo estando ela sonolenta. Conforme investigado, os abusos somente eram cessados quando a adolescente acordava e ameaçava gritar.

Ainda segundo a autoridade policial, com base nas investigações realizadas, o inquérito policial foi concluído com o indiciamento do autor. Desse modo, o delegado representou, junto ao Poder Judiciário pela prisão preventiva do indivíduo, que foi chancelada pelo Ministério Público e Poder Judiciário, e cumprida nesta quinta-feira.

Ainda segundo o delegado Artiaga, existe outro procedimento da mesma natureza em desfavor do acusado, com outra vítima. O indivíduo, em tese, teria abusado sexualmente de duas vítimas com idade de 13 e 16 anos, em várias oportunidades”, frisa o Delegado.

Após ser preso, o homem foi conduzido até a sede da 1ª DEAMV, onde a autoridade policial deu cumprimento a ordem judicial. Após os procedimentos legais cabíveis, o suspeito foi encaminhado à carceragem da Cadeia Pública de Araguatins, onde permanecerá à disposição do Poder Judiciário.

Comentários do Facebook