Um homem de 34 anos foi morto na madrugada desta segunda-feira (25) dentro de um apartamento na região sul de Palmas. De acordo com a Polícia Militar (PM), o crime teria acontecido após uma briga da vítima com a companheira. Um grupo de jovens é suspeito. Ninguém foi preso.

O homicídio foi em um prédio residencial da quadra 1.306 Sul, por volta de 1h10. A PM foi chamada ao endereço com informações de que uma mulher estaria sendo agredida pelo marido e expulsa de casa. Em seguida os policiais foram informados que uma pessoa tinha sido esfaqueada.

Ao chegar no local, os militares encontraram um homem ensanguentado em um apartamento. Ele tinha sido ferido com uma faca na cabeça e pescoço. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi chamado ao local, mas a vítima não resistiu e morreu antes de ser levada a um hospital.

Questionada, a companheira da vítima contou aos policiais que os dois tiveram um desentendimento e que saiu do apartamento para pedir socorro aos vizinhos. Ela disse que quando retornou encontrou o homem caído no chão. Ela não soube informar quem teria cometido o assassinato.

De acordo com a polícia, informações colhidas no residencial apontam que o crime pode ter sido cometido por mais de uma pessoa. Segundo a PM, um grupo de jovens que estava no prédio é suspeito. Eles podem ter entrado no apartamento após a briga entre o casal para defender a mulher. Depois do assassinato eles não foram mais vistos.

A Polícia Científica foi chamada ao prédio para a realização da perícia e o corpo da vítima foi levado ao Instituto Médico Legal (IML) de Palmas. A Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) investiga o caso. (G1)

Comentários do Facebook