O presidente da Assembleia Legislativa do Tocantins (Aleto) e do PTB-TO, deputado Antonio Andrade, promoveu um encontro entre o governador Mauro Carlesse (DEM), o vice Wanderlei Barbosa e 12 prefeitos tocantinenses do seu grupo político para que pudessem apresentar as demandas de seus municípios.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A reunião aconteceu na manhã desta quarta-feira, 10, no gabinete do Governador, no Palácio Araguaia e cada gestor teve a oportunidade de apresentar suas reivindicações de forma individual.

O prefeito de Paranã, Fábio da Farmácia (PTB), considerou o encontro de grande importância para o seu município. “É mais uma oportunidade para buscarmos recursos e obras para o nosso município, aproveitamos para mostrar as dificuldades em gerir um município tão grande e tão importante para o Estado do Tocantins, destacou o prefeito”. Ele ainda agradeceu a atuação do presidente Antonio Andrade que abriu as portas e fez uma ponte entre o executivo estadual e os prefeitos.

O gestor do município de Lagoa da Confusão, ressaltou a importância da abertura do diálogo para resolver as demandas da região. “Tem sido muito importante este contato que estamos tendo com o Governador. É um diálogo direto que vem facilitando o atendimento de nossas demandas, diminuindo os protocolos”.

Para o deputado Antonio Andrade, é preciso apoiar os novos gestores municipais. “O Governador tem um pensamento municipalista e está recebendo os prefeitos justamente para resolver os problemas dos municípios. A gente sabe que, nesta pandemia, os municípios estão em situação difícil, sabe que os prefeitos que assumiram agora pegaram as prefeituras praticamente sucateadas, quem está em reeleição está com a casa organizada”, ressaltou.

Estiveram presentes os prefeitos de Aliança do Tocantins, Elves Moreira; Chapada da Natividade, Élio Dionízio; Fátima, José Antônio Andrade; Formoso do Araguaia, Heno Rodrigues; Juarina, Manoel Ferreira; Lagoa da Confusão, Dr Thiago; Nazaré, Clayton Paulo; Palmeirante, Raimundo Brandão; Paranã, Fábio Moreira, Santa Tereza, Antonio Campos

Comentários do Facebook