Preso, Nenzin Júnior, acusado de matar o próprio pai/ Foto: Divulgação

A polícia prendeu, no início da manhã desta sexta-feira,8, Manoel Mariano de Sousa Júnior, o Júnior Nenzim. Ele é suspeito de matar o próprio pai, ex-prefeito de Barra do Corda (MA), Manoel Mariano, o Nenzim, político e fazendeiro conhecido na região.

Havia um mandado de prisão expedido contra ele. Dois suspeitos de participar do crime foram presos na noite de ontem. Junior Nenzim, que também é conhecido como Vaqueiro da Barra e já foi candidato a prefeito da cidade, estava foragido.

Nenzin foi morto na manhã da última quarta-feira, 6, quando se deslocava para sua fazenda. Na primeira versão que veio à tona, contada pelo filho, ele teria sido abordado por dois homens em uma moto, que atiraram e mataram o ex-prefeito. Mariano Júnior, que estava com o pai, nada sofreu.

A polícia, no entanto, desconfia que o próprio filho tenha atirado no pai, com a cobertura de dois vaqueiros da fazenda. A polícia acredita que o filho de Nenzim estaria roubando gados do pai e o matou, pois ele estava prestes a descobrir. (Sergio Matias)

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.