Pelos cálculos do presidente do PSDB/TO, senador Ataídes Oliveira, o impeachment da presidente afastada Dilma Rousseff será aprovado por cerca de 60 votos a 20 no Senado Federal. “Vai ser uma vitória da democracia e da sociedade brasileira, que já não tolera mais a impunidade e se cansou das mentiras, da irresponsabilidade, da corrupção e da incompetência do PT”, declarou o senador nesta terça-feira (9), durante sessão de votação do relatório do senador Antonio Anastasia, o penúltimo passo do processo de impeachment.

Ataídes, que sempre foi uma das vozes mais firmes no Senado contra os desmandos do PT, salientou que  a presidente afastada Dilma Rousseff já havia perdido completamente a credibilidade junto à população, aos investidores e ao mercado. “Mesmo conseguindo reverter os votos favoráveis ao impeachment, o que a meu ver é impossível, ela já não teria a menor condição de governar”, observou.

Novo cenário

O legado que a presidente afastada e o PT deixam ao Brasil, na opinião do senador tocantinense, é lastimável: recessão, desemprego, inflação, corrupção endêmica e descontrole das contas públicas. Ele acredita, no entanto, que o governo interino de Michel Temer já começou a mudar esse cenário, com a redução da escalada do desemprego e da inflação e o crescimento da confiança na retomada do desenvolvimento e do equilíbrio fiscal.

“O afastamento definitivo da presidente Dilma, no final do mês, vai consolidar a melhoria do quadro econômico, que já dá sinais de recuperação”, comentou Ataídes. Ele disse estar confiante de que o Brasil voltará a crescer e oferecer não apenas mais renda e emprego para a população, como mais dignidade a todos os brasileiros.

Crimes de responsabilidade

“Não podemos perder a esperança. O impeachment é uma prova de que ninguém está acima da lei“, ponderou ele, lembrando que a presidente afastada feriu a Constituição, a Lei Orçamentária e a Lei de Responsabilidade, com as pedaladas fiscais e a edição de decretos de créditos suplementares sem autorização legal.

O relatório do senador Antonio Anastasia, segundo o qual a presidente afastada cometeu um “atentado contra a Constituição”, é irretocável, na opinião de Ataídes.

 

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.