Dando continuidade ao levantamento junto aos artistas das demandas culturais do Tocantins, a Caravana Estadual da Cultura esteve nesta quarta-feira, 15, em Araguaína. O prefeito Ronaldo Dimas e agentes culturais deram boas-vindas à equipe.

No encontro, o secretário estadual da Cultura (Secult), Melck Aquino, reforçou a importância da cidade no cenário tocantinense, lembrando que “Araguaína é culturalmente muito forte”, acrescentando que a Secult tem trabalhado no sentido de consolidar as artes produzidas na região. O resgate da identidade cultural do Tocantins tem sido um dos objetivos das ações da Pasta. “Além desse resgate da dignidade da classe artística, estamos buscando formas de torná-los empreendedores culturais”, concluiu.

Capacitação

Uma das requisições apontadas pelos participantes diz respeito à capacitação.  O músico Marcos do Vale lembrou que a maioria dos artistas araguainenses é autodidata. “Hoje não existem centros de formação artística na cidade, quem quer aprender música, dança, escultura, aprende sozinho. Não que isso seja negativo, mas sempre fica faltando aprender algo”.  Pensamento respaldado pela atriz Valéria Elias, que ainda reforçou a necessidade de capacitá-los, principalmente quanto a captação de recursos e prestação de contas. Sobre os apontamentos acima, Melck Aquino adiantou que uma parceria com a Fundação Nacional de Artes (Funarte) está bem adiantada, e já está programada uma capacitação sobre elaboração de projetos que acontecerá no dia 5 de agosto.

“Estamos buscando o apoio de diversas instituições para garantir a formação dos nossos agentes culturais. Para além da oficina com a Funarte, viabilizamos o Seminário de Audiovisual, em parceria com a Agência Nacional de Cinema (Ancine). Estamos ainda finalizando um termo de compromisso com o Sebrae para a realização do Empretec Cultural”, divulgou.

Escola de Artes

Durante as discussões, o prefeito Ronaldo Dimas também pontuou as ações que estão sendo desenvolvidas no sentido de fortalecer a classe artística de Araguaína. Entre as novidades, está a conclusão da Escola de Artes, que funcionará como um centro de formação artística e deverá estar concluído  até o final deste ano. A realização do I Festival Estadual de Música Sertaneja, previsto para outubro, foi outro assunto abordado na reunião. O encontro com os agentes culturais aconteceu no auditório da prefeitura de Araguaína, e antecedeu a Conferência Municipal de Cultura.

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.