Wanderlei Barbosa

O governador Wanderlei Barbosa (sem partido) criou um Grupo Gestor para monitorar o equilíbrio dos gastos da administração pública direta e indireta do Tocantins. O texto foi publicado no Diário Oficial do Estado nesta quarta-feira, 27.

A equipe vai funcionar como um tipo de conselho responsável por analisar, acompanhar, definir diretrizes e propor medidas relacionadas à contenção ou racionalização dos gastos públicos. Os membros se reunirão com intervalos de até 15 dias.

Confira os membros do Grupo Gestor:

Secretário da Fazenda, Jairo Mariano;

Secretário de Planejamento e Orçamento, Sergislei Moura;

Secretário de Administração, Bruno Barreto;

Secretário de Cidadania e Justiça, Heber Fidelis;

Secretário da Casa Civil, Sebastião Neuzin.

O grupo terá diversas competências referentes aos gastos públicos, como avaliar contratações ou prorrogação de contratos de consultoria, serviços técnicos especializados e todas as terceirizações.

Segundo o governo, o objetivo dessa medida é avaliar os impactos financeiros das contratações, “não recaindo sobre o Grupo Gestor qualquer responsabilidade sobre a regularidade das contratações”.

Comentários do Facebook