Com a propriedade de quem foi testemunha ocular, que viveu o momento político da luta pela autonomia do Tocantins, o presidente da Assembleia Legislativa do Tocantins (Aleto), deputado Antonio Andrade, fala sobre o processo da independência da região e relembra que a luta vem de longa data e ao contrário do que muita gente pode pensar o desejo de independência, por aqui, é antigo.

História

Segundo ele o movimento de busca pela autonomia do Tocantins começou exatamente no dia 15 de setembro de 1921, quando Teotônio Segurado, representante da corte portuguesa na Comarca do Norte, contra o isolamento da região, proclamou o governo autônomo do Tocantins, mas com a morte de Segurado, em 1931, o movimento perde força.

Em 1940, O Brigadeiro Lysias Augusto Rodrigues, defendeu a revisão territorial do Brasil e a criação do território Federal do Tocantins.

O próximo passo na busca pela autonomia foi dado em 1956 quando o juiz, Feliciano Machado Braga, amparado por políticos, empresários e grande parte da população, lançou, em Porto Nacional, o I Manifesto à nação pela criação do Estado do Tocantins.

E em 1970, José Wilson Siqueira Campos, é eleito deputado federal e levanta a bandeira de criação do Estado do Tocantins no Congresso Nacional. Daí até hoje a história é mais conhecida e culminou na autonomia comemorada hoje após 32 anos.

“A ousadia destes homens se juntou a força e a coragem de tantos outros que ajudaram a construir o Tocantins de hoje. É nosso dever dar continuidade a esta luta e o poder Legislativo não vai se furtar a esta responsabilidade”, disse Antonio Andrade.

Após relembrar a história, Andrade fez questão de agradecer as milhares de pessoas que anonimamente também contribuíram para a construção do Tocantins.

“Parabenizo todos os tocantinenses, os que nasceram e os que escolheram o Estado para viver e realizar seus sonhos”, disse.

Pandemia

O presidente ainda destacou o momento atual, fez referência à pandemia, e demonstrou otimismo em relação uma vacina contra o vírus, “eu acredito que num futuro bem próximo nós vamos conseguir uma vacina, para que possamos voltar a normalidade, enquanto isso não ocorre precisamos nos proteger e aos outros também”, pontua.

Tocantins pronto para retomada

Para Andrade, apesar da prioridade nos últimos meses ter sido o combate ao coronavírus, conseguimos avançar e preparar o Estado para o momento pós-pandemia.

“Aprovamos diversas matérias que garantem o aquecimento da economia no Estado, como a duplicação das TO-050 (Palmas x Porto Nacional), TO-080 (Palmas x Paraíso) e a construção da Ponte de Porto, estes investimentos em infraestrutura vão gerar empregos, irão movimentar nossa economia e claro, dar mais segurança aos usuários dessas rodovias”.

Comentários do Facebook