No mês da advocacia, o projeto “OAB Fazendo Arte”, promovido pela OAB-TO (Ordem dos Advogados do Brasil no Tocantins), por meio da Comissão de Cultura e Eventos, inovou com um desenho ousado, mas que ao mesmo tempo remete ao Direito e a Constituição Brasileira.

O projeto, que conta com o respaldo de artistas grafiteiros locais e da loja de tintas Sherwin-Williams em Palmas, consiste na pintura da parede externa da sede da Seccional da OAB, localizada na avenida LO-04, esquina com a NS-01.

Nesta edição, a terceira do projeto, o grupo parceiro foi Zero63 Crew e o desenho, com formato perspectivo e diversidade de cores, é sobre o artigo 5º da Constituição: “Todos são iguais perante a lei, sem distinção de qualquer natureza, garantindo-se aos brasileiros e aos estrangeiros residentes no País a inviolabilidade do direito à vida, à liberdade, à igualdade, à segurança e à propriedade.”

Antes, os desenhos tiveram como tema a Sagrada Família e a luta das mulheres por seus direitos.

Na atual obra, os direitos previstos nos artigo 5º da Constituição, como lugar para morar e igualdade perante a lei, e, ao mesmo tempo, os problemas que o país passa, compõem a pintura. Também há alusões ao papel da Justiça, aos descasos das autoridades, à natureza e ao continente americano.

Atuante em Palmas desde 2014, o Zero63 Crew surgiu após amigos interessados em desenvolver suas técnicas de grafite e colagem realizarem encontros para explorar pontos de Palmas, escolhendo alguns para receberem suas criações.

O trabalho foi elaborado por seis pessoas, todas com idades entre 25 anos e 32 anos. Além de compor o Zero63 Crew, todos eles trabalham em áreas ligadas a produção de conteúdo ou artes cênicas, como rádio e televisão, publicidade e afins.

A pintura feita na OAB teve a participação dos seguintes artistas: Mayara Caroline dos Santos, Patrik do Nascimento, Ithalo Henrique da Silva de Souza, Jefferson Nascimento dos Santos e Bruna da Silva Cordeiro e Pablo Marquinho Pessoa Pinheiro.

Comentários do Facebook