Presidente da Câmara Municipal de Palmas, Marilon Barbosa

O presidente da Câmara Municipal de Palmas, Marilon Barbosa fez uma avaliação dos seus seis primeiros meses de gestão frente à Câmara e destaca avanços no andamento de projetos, relacionamento com os demais vereadores e organização da Casa.

Marilon Barbosa lembrou que o momento mais difícil foi quando assumiu a presidência da Câmara e encontrou dívidas, inclusive de atraso de pagamentos de salários dos servidores, porém, com a contribuição de alguns vereadores e apoio da prefeita Cinthia Ribeiro foi possível antecipar parte do duodécimo para quitar os salários.

“Melhoramos os serviços internos da Casa dando mais transparência às ações, democratizando as discussões da Câmara com todos os vereadores, inclusive a nossa forma de comunicar com a sociedade. Continuamos na busca de um espaço próprio para a Câmara”, destacou Marilon.

Em relação aos servidores públicos da Câmara houve muitas conquistas, entre elas, a posse dos aprovados no concurso e mais recentemente foram chamamos outros cinco servidores do quadro de reserva. Retorno do processo de avaliações das progressões. “Valorizamos os servidores efetivos, hoje mais de 70% dos cargos de direção são hoje ocupados por efetivos, além disso, implementamos a data-base 2018/2019 e o auxílio periculosidade aos servidores ocupantes do cargo de vigia”, completou.

Atendendo a determinação judicial, foram aprovados dois Projetos de Leis, onde se reduziu o número de cargos da Casa e normatizou cada um destes.

Contribuições nos debates de projetos importantes para Palmas
Marilon ainda falou sobre o período legislativo, para ele foi um dos mais proveitosos da história da Câmara, pois conseguiu neste semestre reinstalar a CPI do PreviPalmas que foi concluída com êxito, recebendo elogios de diversos órgãos e da imprensa, sendo um processo de maneira transparente e propondo à justiça, a punição dos responsáveis pelo desvio do dinheiro. Ele também recordou que por intermédio seu e com a contribuição dos vereadores a Câmara conseguiu viabilizar a derrubada dos aditivos do contrato da BRK permitindo assim, discutir e baixar o preço das tarifas de água e esgoto em Palmas.

“Foi um semestre de muito trabalho onde promovemos diversas audiências públicas, abrindo amplo debate sobre todos os projetos que tramitaram na Câmara neste primeiro semestre,” destacou Marilon Barbosa, acrescentando que manteve com o Executivo uma relação harmônica, respeitosa, com diálogos que possibilitaram aprovar projetos importantes para a capital.

Para integrar o parlamento palmense com as demais câmaras municipais, Marilon Barbosa, filiou a Câmara de Palmas à UVET visando o fortalecimento da entidade representativa dos vereadores e juntando forças para defender os interesses dos municípios, como, por exemplo, o último encontro com representantes de mais de quinze câmaras municipais do Estado em parceria com a UVET para debaterem ações conjuntas que possibilite baixar o preço das tarifas de água e esgoto nestas cidades.

Atuação como parlamentar

Na atuação como parlamentar, Marilon Barbosa apresentou no primeiro semestre deste ano, 86 requerimentos onde solicita os mais diversos tipos de serviços e obras em toda a região central, norte e sul da cidade, além dos distritos de Taquaruçu e Buritirana e zona rural. Também foram apresentados 5 Projetos de Lei e um pré-projeto de lei, que propõe que o PreviPalmas abra linha de crédito com investimento no Banco do Povo para empréstimo consignado de maneira segura aos servidores públicos municipais.

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.