Em Sessão Solene realizada na terça feira dia 21, a Câmara de Vereadores de Palmas promoveu a entrega de Títulos de Cidadão Palmense, uma forma de homenagear pessoas que colaboram ou colaboraram com a comunidade da Capital, na ocasião, três homenageados da vereadora Laudecy Coimbra receberam o título.

Os nomes dos homenageados foram indicados pelos vereadores e aprovados em plenário, por meio de Projeto de Lei. Os vereadores e convidados fizeram o reconhecimento daqueles que contribuíram e contribuem, através de seu trabalho e dedicação, para o desenvolvimento do município.

Os homenageados da vereadora Laudecy foram o senhor Carlos Roberto Braga do Carmo, Crispim Alves de Oliveira Júnior e Maria Roseli de Almeida Pery. Acompanhe os perfis:

Carlos Braga

É advogado, natural de Mairipotaba (GO). Exerceu o cargo de deputado estadual de 1995 a 1999, foi diretor-geral da Câmara Municipal de Palmas e secretário de Governo da Prefeitura de Palmas por dois períodos. Em 2004 foi eleito vereador da Capital, disputou a presidência da Câmara Municipal para o período de 2005/2006, sendo eleito por unanimidade. Reelegeu-se, em 2006, também por unanimidade, para mais dois anos à frente da Casa.

Já exerceu cargos públicos em várias partes do País, como prefeito da cidade de Mara Rosa (GO), também, presidente do Instituto de Terras de Rondônia e diretor da Fundação Santa Rita de Cássia, quando da criação do Tocantins. Na gestão, já foi secretário de Governo e Relações Institucionais, e de Desenvolvimento Urbano e Serviços Regionais. Atualmente ocupa o cargo de Presidente da Fundação Municipal de Meio Ambiente.

Crispim Júnior

Crispim Alves de Oliveira Júnior, nasceu no dia 25 de julho de 1977, na cidade de Porangatu – Goiás. Na área pública, trabalhou na prefeitura de Palmas por quatro anos, depois ingressou na Assembleia Legislativa como assessor parlamentar onde trabalhou por oito anos.

Atualmente, é vereador de Porto Nacional, residindo no Distrito de Luzimangues e participa diretamente de diversas ações sociais em Palmas, principalmente na região norte da cidade, onde mora sua mãe e irmãos.

Maria Roseli

Maria Roseli de Almeida Pery é Promotora de Justiça aposentada do Ministério Público do Estado do Tocantins, com atuação expressiva na área da saúde pública. Natural da cidade de Osasco (SP), Maria Roseli ingressou no Ministério Público no ano de 1993, sendo a primeira Promotora de Justiça da Comarca de Tocantínia. Aposentou-se atuando na área da Saúde Pública, na 27ª Promotoria de Justiça da Capital.

Especialista em Direito Sanitário, Auditoria em Serviços de Saúde e Gestão em Saúde, foi membro da Comissão Permanente de Defesa da Saúde, do CNPG, desde o ano de 1998, tendo coordenado a Comissão no período de 2012 a 2014. Roseli é Sócia-Fundadora da Associação Nacional do Ministério Público de Defesa da Saúde (Ampasa), onde já ocupou os cargos de 1ª e 2º Vice-Presidente.

Foi Presidente do Comitê de Mortalidade Materna do Estado do Tocantins,

membro colaboradora do Grupo de Trabalho da Saúde, instituído pelo Conselheiro Nacional Luiz Moreira Gomes Júnior, do CNMP, no período de 2010 a 2012. Foi colaboradora da Comissão de Defesa dos Direitos Fundamentais do CNMP e do Fórum Nacional da Saúde do CNMP.

Também integrou o Comitê Executivo para Monitoramento das Ações da Saúde no Estado do Tocantins, do Conselho Nacional de Justiça – CEMAS/TO/CNJ, desde o ano de 2010; e ao Comitê Gestor Interinstitucional para o Acompanhamento da Saúde no Estado do Tocantins da Assembleia Legislativa.

Militante na área da Saúde Pública em todo o País. Participou de Plenárias da Conferência Nacional de Saúde; Conferências Municipais e Estaduais de Saúde; além de colaborar como palestrante em eventos promovidos no âmbito da Gestão do SUS, das três esferas de Governo e de entidades afins.

Idealizadora de Projetos de integração entre os Órgãos de controle e de Gestão

do SUS, elaborou e desenvolveu projetos de integração nacional entre a Ampasa, o Ministério da Saúde e a Agência Nacional de Vigilância Sanitária, bem como o Projeto de Fortalecimento do Exercício da Cidadania, com lideranças comunitárias de Palmas.

O trabalho prestado pela Promotora de Justiça ainda consiste na participação em Audiências Públicas de interesse da Saúde Pública e de Prestação de Contas da Gestão do SUS, tendo sido homenageada em diversos atos públicos. Formalmente, recebeu homenagens pela relevância de seus trabalhos pelo Grupo de Apoio à Mulher de Palmas; Secretaria de Saúde de Guaraí; Secretaria de Saúde de Araguaína; Conselho de Secretários Municipais de Saúde do Tocantins; Câmara Municipal de Palmas; Assembleia Legislativa do Tocantins; Associação Nacional do Ministério Público de Defesa da Saúde e V Congresso Brasileiro de Direito à Saúde.

Comentários do Facebook