Policiais Civis da Delegacia de Xambioá, coordenados pelo delegado José Antônio da Silva, com apoio da 1ª Delegacia Regional de Araguaína e da Policia Militar de Xambioá, deflagraram na sexta-feira (10), naquela cidade, operação policial em cumprimento a mandados de busca domiciliar expedidos pelo juízo da Comarca local.

A ação policial ocorreu em vários endereços, já previamente mapeados pela Polícia Civil, onde, supostamente, estariam ocorrendo a prática de delitos como o tráfico de drogas. Durante os trabalhos policiais, um homem de inicias D. C. S., de 36 anos, foi preso em flagrante por posse irregular de munições, durante busca em sua residência.

O indivíduo já foi condenado porte ilegal de arma de fogo, sendo, portanto, considerado reincidente oem infração penal de mesma natureza. Atendendo ao disposto legal, a autoridade policial arbitrou fiança ao conduzido, que recolheu aos cofres públicos a quantia estipulada e obteve o direito de responder ao procedimento em liberdade.

Em outra residência, os policiais civis e militares capturaram em flagrante delito um homem de iniciais G. H. L. S, de 21 anos, por posse irregular de arma de fogo de uso permitido, já que estava com uma espécie de pistola de calibre 22, de fabricação artesanal, além de máscaras que possivelmente seriam utilizadas par ocultar a face em assaltos.

O segundo preso encontrava-se em liberdade provisória e respondendo a ação penal por tráfico de drogas e corrupção de menores, praticados em 13 de novembro, e vinha afrontando, reiteradamente, a ordem pública envolvendo-se em práticas ilícitas, juntamente com outros investigados por tráfico de drogas. Presentes os requisitos para decretação da prisão preventiva, o delegado requereu ao juiz plantonista a conversão da prisão em flagrante em prisão preventiva, a fim de assegurar a paz social.

Segundo o delegado José Antônio, a Polícia Civil reforça seu compromisso com a população de Xambioá no combate ao crime e na manutenção da paz no município. “A Polícia Civil, como órgão de Segurança Pública, reitera seu compromisso legal com a sociedade em continuar fechando o cerco à criminalidade, buscando a pacificação social em Xambioá”, ressaltou.

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.