Eduardo Siqueira Campos

Das 10 emendas à Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) apresentadas pelo deputado Eduardo Siqueira Campos (DEM) junto à Comissão de Finanças, três foram incluídas no texto da Lei aprovada nesta quarta-feira, 22, pela Assembleia Legislativa. São elas: A destinação de recursos do Orçamento do Estado para a construção do Hospital do Câncer de Barretos em Palmas; A proibição da locação de prédios pelo Poder Público, que sejam de propriedade de Secretários de Estado, Presidentes de Autarquias, ou qualquer outro servidor público, ou seus parentes em até terceiro grau; Proibição de contratação de consultorias privadas, quando entes do Estado podem fazê-lo, por exemplo, a Universidade do Tocantins (Unitins).

O deputado Eduardo Siqueira Campos destacou a importância da inclusão das emendas na LDO. “Ao recebermos do Executivo o projeto da LDO, em uma leitura atenta, percebi que não haviam essas importantes e indispensáveis diretrizes. Fiz essas emendas e tive a felicidade de contar com o apoio de todos os deputados para a aprovação”, afirmou.

Em relação ao Hospital do Câncer, o deputado Eduardo Siqueira comemorou a aprovação da emenda que destina recursos para a obra em Palmas agradecendo aos deputados pela aprovação e também aos responsáveis pela obra. “É uma iniciativa da maior importância para nossa população e todos temos que ajudar da maneira que pudermos. O Hospital vai prestar um atendimento público há cerca de 25 mil pessoas por ano, fazendo o mais sublime dos trabalhos, o de salvar vidas. Essa obra evitará que milhares de tocantinenses e até pessoas de outros estados, necessitem ir para lugares distantes de suas casas e suas famílias para buscar tratamento. O Hospital do Câncer irá transformar Palmas”, concluiu.

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.