Governador Mauro Carlesse

Em apenas 120 dias à frente do Governo do Estado, o Governador e candidato à reeleição, Mauro Carlesse (PHS), já pagou R$ 111 milhões aos prestadores de serviço do Plansaúde. Antes de Carlesse assumir o Governo, o usuário do Plansaúde enfrentava constrangimentos e negativas de atendimentos, devido à falta de repasses aos prestadores de serviço.

Com Carlesse no Governo a situação mudou completamente. Os atrasados foram quitados, os profissionais voltaram a atender e o acesso às clínicas e exames para os beneficiários do Plansaúde se normalizou.

“Honrar os compromissos do Estado com os servidores públicos e com os fornecedores é o mínimo que temos que fazer. Quando eu falo em gestão séria é isso, honrando os compromissos, trabalhando. Com os pagamentos em dia, a credibilidade do Governo e do Plansaúde retornam. Agora os médicos podem atender porque sabem que vão receber”, afirmou o governador.

O montante de serviços pagos foi direcionado aos prestadores de pessoa física, jurídica, remoções, liminares, intercâmbios (atendimentos fora do estado), serviços odontológicos (Prodent) e taxas de administração (Unimed Centro-Oeste). Os valores foram faturados por todos os prestadores e devidamente auditados e liberados para pagamento.

Desde 2017, o governo anterior não colocava em dia o pagamento do contrato com a Unimed Centro-Oeste para administração do Plansaúde, resultando na suspensão de atendimento por parte dos prestadores de serviço, situação precária para o Estado e para os servidores públicos estaduais e seus dependentes.

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.