Genésio Fenerda
Genésio Fenerda

Cassado em 2014 por captação ilícita de sufrágio e abuso de poder econômico, o ex-prefeito de Guaraí Genésio Ferneda teve suas contas rejeitadas pelo Tribunal de Contas do Estado do Tocantins (TCE-TO) na última terça, 16. Após a rejeição em junho deste ano, a defesa entrou com um embargo para um novo julgamento e novamente o parecer foi desfavorável ao acusado.

Os conselheiros do TCE decidiram pela rejeição pelas irregularidades de “Descumprimento do limite legal da despesa com pessoal, sem a adoção das medidas de recondução e a não recondução do montante da despesa total com pessoal que excedeu o limite legal na forma e nos prazos da lei”, e “Registros contábeis incorretos sobre fatos relevantes, implicando na inconsistência dos demonstrativos contábeis e a não consonância entre o saldo financeiro para o período seguinte e o saldo financeiro do período anterior sendo encontrada uma divergência de R$ 961.695,69”.

Mesmo com a cassação e a rejeição das contas, Genésio Ferneda atua nos bastidores da eleições de Guaraí em 2016, uma vez que sua esposa, Lires Ferneda, é candidata à Prefeitura Municipal. O boletim que traz a decisão completa pode ser acessado em http://www.tce.to.gov.br/Boletim/Arquivos/c2940ded00a952847c895b1bfca4f6bd.pdf.

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.