Foi com grande expectativa que os alunos do Colégio Estadual Anaídes Brito Miranda, localizada em Guaraí, assistiram a transformação de sua escola na 8ª unidade do Colégio da Polícia Militar do Tocantins. A solenidade realizada na tarde desta quinta-feira, 17, contou com a presença da secretária da Educação, Juventude e Esportes, Adriana Aguiar e do comandante da Polícia Militar, coronel Jaizon Veras Barbosa.

A unidade escolar passará por uma ampla reforma, os atuais alunos serão transferidos para outro local, até a reforma ser concluída. A nova escola sob o comando da Polícia Militar, atenderá uma média de 800 alunos. O edital para o processo seletivo para os alunos deverá ser lançado em agosto.

O diretor regional de Educação de Guaraí, Pe. Milton Alves da Silva, ressaltou a importância da escola. “Muitos alunos que por aqui passaram, são hoje pessoas de sucesso na vida profissional. É uma escola que faz parte da história do município”, frisou.

A secretária Adriana Aguiar explicou que os alunos que já estão matriculados, terão vagas garantidas. Adriana ressaltou o quanto essas unidades militares estão trazendo resultados para a aprendizagem dos alunos. A secretária também ressaltou o quanto é importante todos se envolverem no processo de melhoria da educação, seja estado ou município.

O coronel Jaizon contou que o momento estava sendo especial na sua vida, porque ele foi aluno do Colégio Anaídes Brito Miranda. “Que satisfação participar desse momento. A primeira unidade de ensino militar foi criada em 2009, como fase experimental. As escolas militares tem apresentado excelentes resultados e com isso, cresce a procura por parte dos pais e dos  municípios por implantações de escolas no modelo militar”, explicou.

Expectativas

Gabriela Barros Pereira, 14 anos, estudante do 9º ano do ensino fundamental, é uma das alunas que aproveita as oportunidades que a escola oferece. Ela se destaca nos projetos de artes e música. “Estou aguardando essa transformação na escola com muita expectativa. É uma escola que tem tradição, mais que precisava passar por mudanças e reformas. Acho que agora, teremos a escola que sonhamos”, disse.

O jovem Glauco Freitas, que cursou o ensino médio no Colégio Estadual da Polícia Militar de Palmas, compartilhou sua experiência. “Apesar das regras de disciplina, aprendemos a focar na nossa criatividade. O aluno do colégio militar passa a ter a filosofia de disciplina consciente e desenvolvemos o senso aguçado do que é certo e errado”, contou. Na filosofia das escolas militares tudo é conquistado por mérito e esforço. Lá são premiados os alunos que se destacam em mérito de disciplina e mérito intelectual.

Apresentações culturais

Durante a solenidade, os alunos da fanfarra do Colégio Militar de Palmas apresentaram coreografias e estudantes da 3ª série do ensino médio realizaram um desfile com os principais uniformes utilizados pela instituição. Também houve apresentações artísticas da Banda Elos, formada por alunos da Escola Estadual José Costa, com participação de estudantes do Centro de Ensino Médio Orquelina Torres e Colégio Estadual Irineu Albano Hendges.

Obras

O Colégio Estadual Anaídes Brito Miranda foi contemplado com recursos do Programa Estrada do Conhecimento (PEC II), com financiamentos do Bando Mundial e passará por obras de reforma e ampliação. A previsão é que a escola funcione como unidade militar em 2019, com aulas no período integral. As obras terão um orçamento estimado em R$ 2 milhões e 900 mil e a previsão é que sejam iniciadas nos próximos dias, após a tramitação de documentos.

“Hoje assinamos a Ordem de Serviço para as obras de reforma da nova escola militar e estamos fazendo a nossa parte como gestora, agilizando os processos e atuando em parceria com as empresas construtoras”, ressaltou a secretária Adriana Aguiar.

Participantes

Participaram da solenidade: deputados estaduais, prefeitos, vereadores, gestores escolares e pais de alunos.

 

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.