A presença feminina tem sido cada vez mais presente no dia a dia das propriedades rurais, elas têm ocupado papéis de destaque na gestão rural e revelam um grande potencial empreendedor. O programa foi realizado este final de semana, pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Rural, (SENAR), órgão vinculado à Federação da Agricultura e Pecuária do Estado do Tocantins (FAET). O evento também contou com a parceria da prefeitura de Caseara e da Secretaria de Assistência Social do município. Com o intuito de desenvolver as habilidades femininas capacitando-as na gestão de negócios agropecuários, mais duas turmas foram concluídas.

“Os encontros reúnem mulheres em cinco módulos presenciais de oito horas cada totalizando 40 horas de atividades. São repassadas atividades teóricas e práticas a fim de demonstrar as inúmeras possibilidades de empreendedorismo no campo e desenvolver as habilidades de cada uma”, explicou a instrutora do SENAR, Célia Rodrigues.

A Instrutora ainda destacou que o programa, anteriormente conhecido como “Com Licença Vou à Luta”, passou por reformulações no ano passado para melhor se adequar a realidade local das propriedades rurais. “Os módulos são pensados de acordo com situações vivenciadas no dia a dia das mulheres no campo.

Para a superintendente do SENAR, Rayley Luzza, as mulheres são, em grande maioria, a base familiar, mas também têm se destacado como empresárias rurais, muitas delas, inclusive, assumindo sozinhas seus próprios negócios. “Elas são visionárias e conseguem trazer um olhar diferenciado para o dia a dia das propriedades rurais. Ressaltou a superintendente.

O programa ensina e desperta a melhor maneira de desenvolver as atividades, facilitando a aplicação de tecnologias e técnicas de gestão aprimoradas para ampliar o aproveitamento das diferentes cadeias produtivas disponíveis e, consequentemente, aumentando a produtividade, a rentabilidade e a qualidade de vida.

A aluna Carlene da Silva Martins ressaltou que o curso tem sido a melhor oportunidade da sua vida. “Tudo que eu sei hoje é graças ao que aprendi buscando cada vez mais conhecimento, hoje posso dizer que consigo efetuar a gestão da propriedade sem preocupação, mas isso tudo só foi possível porque busquei crescimento. O SENAR oferece uma infinidade de oportunidades para aprendermos e evoluirmos e o Mulheres em Campo sem dúvidas tem sido mais uma excelente ferramenta de aprendizagem na vida de muita gente”, finalizou a aluna.

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.