ilustrativa

As tarifas de água e esgoto de moradores de 47 cidades do Tocantins vão subir a partir de abril. A Odebrecht Ambiental – Saneatins, empresa que fornece os serviços nestes municípios, anunciou um aumento de 12,7% nas contas dos usuários. O reajuste passa a vigorar em todas as contas com vencimento em abril e a medida afeta cerca de 1,1 milhão de moradores em todo o estado.

O reajuste, de acordo com a empresa, é composto da taxa de inflação do ano passado, de 6,29%, e de uma compensação pelos investimentos que a Odebrecht Ambiental teria feito na rede de distribuição, que foi calculado pela concessionária em 6,48%. Para os clientes que têm a tarifa básica e consomem até 10 mil litros o aumento será de R$ 4,66. O valor da tarifa vai de R$ 36,44 para R$ 41,10.

Para os 80 mil moradores que têm a chamada tarifa social o valor pelos 10 mil litros de água vai ficar em R$ 12,74. Nessa faixa se encaixam os moradores cadastrados na categoria residencial, que têm casas com área construída de até 100m² e possuem renda familiar igual ou inferior a um salário mínimo e meio. Os aposentados, pensionistas ou portadores de doenças crônicas podem apresentar renda mensal de até dois salários mínimos e meio e ainda se enquadrar na tarifa.

Em todo o Tocantins, 360 mil moradores são atendidos pela coleta e tratamento de esgoto, de acordo com a empresa. Palmas e Porto Nacional têm mais de 80% de cobertura e em Araguaína um terço da população é contemplada. Estes seriam alguns dos investimentos feitos na rede que explicariam o motivo do reajuste.

Reajuste em 2016
Em 2016 as contas de água e esgoto já haviam sido reajustadas em 13,9%. Em todo o estado moradores tiveram dificuldades para fechar as contas ao longo do ano, já que a energia elétrica, os planos de saúde e os medicamentos também tiveram reajustes. Em fevereiro, 71% das famílias de Palmas estavam endividadas.(G1)

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.