Welbem Martins
Welbem Martins

É com imenso pesar que a Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP) informa o falecimento do Agente de Polícia Civil, Welbem Martins Carvalho, mais conhecido como “Barrolândia”. Welbem tinha 47 anos de idade e morreu no início da tarde deste domingo, 25, em um hospital particular de Palmas, devido a complicações provocadas por um câncer, doença contra a qual lutava há alguns meses.

Welbem era natural de Barrolândia e ingressou na Polícia Civil, por meio de concurso público, no ano de 1994, e exerceu suas funções com muito comprometimento, responsabilidade e competência, inicialmente, na Delegacia de Polícia Civil da cidade onde nasceu e depois em Palmas e Miranorte. Há de 12 anos, o Agente estava em Paraíso do Tocantins, onde trabalhou em praticamente todas as delegacias daquele município e, atualmente, exercia suas funções na 1ª Delegacia de Polícia Civil daquela cidade.

Durante toda a sua brilhante trajetória na Polícia Civil, o Agente de Polícia Welbem Martins Carvalho sempre exerceu com muita dedicação, profissionalismo e competência seu ofício de ajudar a combater à criminalidade, contribuindo de forma decisiva, às vezes com risco da própria vida, para que à população dos municípios por onde passou, pudesse ter mais paz e tranqüilidade.

Pessoa espirituosa, tranqüila e de sorriso fácil, o agente Barrolândia, como era carinhosamente conhecido, sempre estava pronto para ajudar não importava o qual difíceis fossem as missões, pois sempre pautava sua conduta pessoal e profissional pela mais extrema honradez, dignidade e pela grande vontade de ajudar o próximo, não medindo esforços para cumprir suas atividades.

O policial sempre tinha uma palavra amiga a todos que dele se aproximavam e sentia muito orgulho de pertencer a Polícia Civil do Estado do Tocantins, instituição, cujo  nome ajudou a engrandecer, durante os mais de 20 anos em que atuou como Agente de Polícia Civil.

Para o delegado Regional de Paraíso do Tocantins, José Antônio da Silva, a morte de Welbem significa uma perda irreparável, não só para a Polícia Civil, mas também para a toda à sociedade Paraisense, que perde um profissional dedicado, honrado e, acima de tudo, um pai de família exemplar e um amigo de todas as horas.

“A morte do Agente Welbem, abalou a todos os policiais civis do Estado, especialmente, os que integram a 6ª Delegacia Regional de Paraíso do Tocantins, porque se trata, não só de um excelente policial civil, que cumpria suas funções com esforço e denodo, mas um ser humano que a todos alegrava com seu jeito simples de ser, se mostrando sempre gentil e atencioso para com todos que puderam ter o prazer de desfrutar de sua convivência”, ressaltou o delegado.

“Welbem era uma pessoa muita querida e que vai deixar um vazio muito difícil de ser preenchido. Rogamos a Deus que na sua infinita Glória, bondade e misericórdia o receba em seu reino nesse dia de Natal, e lhe dê o descanso eterno e merecido daqueles que combateram o bom combate”, pontuou o delegado.

O Agente Welbem Martins Carvalho era casado e deixa esposa e quatro filhos. Seu corpo está sendo velado no Espaço Ágape, localizado na Avenida Transbrasiliana, Travessa do Setor Pouso Alegre, em Paraíso do Tocantins. Seu sepultamento será realizado às 17hs desta segunda-feira, 26, no cemitério Bom Jesus, naquele município.

O Estado do Tocantins agradece aos competentes serviços prestados pelo nobre servidor e transmite as condolências aos seus familiares e amigos.

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.