Delegacias de Colinas Tocantins

Detida nesta quinta-feira 23, por suspeita de envolvimento no homicídio de um idoso de 72 anos em Colinas do Tocantins, uma mulher de 19 anos confessou nesta sexta-feira 24, a autoria do crime.

Em depoimento ao delegado Rodrigo Saud, da 41ª DP de Colinas, a mulher disse que é usuária de drogas e que cometeu o homicídio em virtude de uma discussão por conta do pagamento de um programa sexual.

O homicídio qualificado ocorreu em abril deste ano, em Colinas. A mulher foi capturada, no entanto, nesta quinta-feira, 23, por policiais civis da Delegacia Especializada de Polícia Interestadual, Capturas e Desaparecidos (POLINTER), em parceria com a 41ª Delegacia de Polícia de Colinas-TO.

Desde o princípio a mulher foi apontada como suposta autora do crime de homicídio qualificado. Ela foi presa mediante mandado de prisão preventiva expedido pela Comarca de Colinas em uma instituição feminina que trata dependência de drogas.

As informações preliminares apontavam que a vítima de 72 anos mantinha relacionamentos amorosos com diversas mulheres mais jovens e a mulher de 19 anos seria, supostamente, uma delas. A mulher está recolhida na Unidade Prisional Feminina de Lajeado, onde permanecerá à disposição do Poder Judiciário.

Comentários do Facebook