Vereador Junior Geo (PRO)
Vereador Junior Geo (PRO)

A falta de pagamento de salários aos professores contratos pela Prefeitura de Palmas foi à tônica das discussões na Câmara de Vereadores, na sessão desta terça-feira, 14.  O vereador professor Júnior Geo (Pros) denúncia essa situação à sociedade desde agosto, junto à gestão municipal e na semana passada voltou a cobrar. “Essa prática de contratar e passar meses sem pagar os trabalhadores é comum no setor público. Isso aconteceu no ano passado no Estado, na Prefeitura e continua. É falta de gestão, falta de competência”, afirma Geo.

Em seu pronunciamento na sessão de hoje, o vereador Rogério Freitas (PMDB) protestou contra a falta de informações sobre a data de admissão dos profissionais, já que os nomes não foram divulgados no Diário Oficial do município e os contratos foram fechados verbalmente.  Ele cobrou com veemência providências do ordenador de despesas municipal.

O vereador Marilon Barbosa (PSB), que é irmão da secretária Municipal de Educação, Berenice Barbosa, contestou a cobrança do parlamentar Rogério e disse que o orçamento é definido pelo gestor.

Outros parlamentares também protestaram contra o atraso do pagamento dos professores contratados pelo município.

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.