Baseado em diversas reclamações de servidores públicos estaduais, o Sindicato dos Servidores Públicos no Estado do Tocantins (SISEPE) encaminhou ofício ao Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal e o SICREDI cobrando que as instituições financeiras  voltem a liberar as operações de crédito consignado e renegociação de dívidas para os servidores.

Nos ofícios, o SISEPE destaca que os bancos mencionados têm convênio vigente com o Governo do Tocantins e não podem, inadvertidamente, suspender o crédito para os servidores. “Sob pena de descumprimento do convênio dando ensejo a sua rescisão por quebra de cumprimento de suas obrigações para com os servidores”, pontua o Sindicato.

O SISEPE aguarda resposta, a fim de que seja dada uma devida satisfação aos servidores públicos e, ainda, evitar que os prejuízos continuem acontecendo.

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.