Prevenir as situações de risco social, ampliar trocas culturais e de vivências, desenvolver o sentimento de identidade, fortalecer vínculos e incentivar a socialização e a convivência comunitária. Esses são os objetivos principais das oficinas realizadas pela Prefeitura de Guaraí na manhã dessa segunda-feira, 13 de junho, em um espaço particular da cidade.

As atividades foram realizadas por meio de parceria entre o Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV), do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS), e a Secretaria Municipal de Juventude, Esporte e Turismo.

Participaram 130 crianças e adolescentes do Projeto Craques na Vida, que oferece aulas de futebol, e outros 93 menores assistidos pelo programa social SCFV criado pela atual gestão, que participam de aulas de ballet. As oficinas encerram as atividades do primeiro semestre e contaram com jogos de futebol e apresentação do grupo do ballet.

A secretária municipal de Desenvolvimento Social e Cidadania, Simonya Mariano, destaca que as ações de esporte e cultura são gratuitas e colaboram diretamente para proteger as crianças guaraienses das situações de risco e vulnerabilidade social. “Isso nos deixa bastante satisfeito, pois sabemos que estamos contribuindo para um futuro melhor para cada um”, pontuou.

Já a diretora do CRAS, Consuelo Julião, lembra que o principal objetivo, além de promover a confraternização entre as crianças, é prepará-las para ocuparem seu lugar na sociedade sempre distantes dos riscos sociais.

“Mantemos esse programa por acreditarmos que se cuidarmos de nossas crianças e dos nossos adolescentes vamos contribuir de forma significativa para uma sociedade mais justa”, disse o prefeito Francisco Júlio.

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.