O Sistema de Processo Eletrônico (e-Proc) utilizado pelo Tribunal de Justiça do Tocantins, desde sua implantação no Estado em 2012, passa por constante aprimoramento. Para atualizar os usuários dos últimos avanços uma equipe da Diretoria de Tecnologia da Informação está percorrendo todas as 42 comarcas realizando um treinamento aos usuários do e-Proc.

O trabalho, iniciado no dia 9 março, está sendo desenvolvido pelas servidoras Celma Barbosa Pereira, Juliane Fernandes, Pâmela Pires e Valéria Bodas. A equipe já percorreu as Comarcas de Gurupi, Formoso, Paraíso do Tocantins, Porto Nacional, Araguaína, Araguacema, Arapoema, Colinas, Coméia, Guaraí, Pedro Afonso, Novo Acordo, Ponte Alta, Miranorte. Esta semana a ação deve ser finalizada na comarca de Tocantínia. Todas as unidades devem ser percorridas em Agosto deste ano.

De acordo com o diretor de TI, Marco Aurélio Giralde, o trabalho busca garantir um melhor uso das novas ferramentas do e-Proc e consequentemente o aprimoramento da prestação jurisdicional.

A servidora Celma Barbosa relata que o treinamento tem sido muito produtivo. “À medida que ocorre temos a oportunidade de tirar as dúvidas dos servidores, atualizar os mesmos de como trabalhar de forma ordenada na instrução processual, mostrar onde ocorrem os principais erros. Simulamos os problemas e mostramos a forma correta de execução”, explicou.

Após as aulas, que ocorrem geralmente nas salas de transmissões de cursos da Escola Superior da Magistratura (Esmat) ou nos auditórios do Tribunal do Júri das comarcas, a equipe ainda percorre os cartórios para resolver as pendências e colocar em prática o que foi demonstrado. A equipe ainda  atende os magistrados nos gabinetes. Na oportunidade são registradas as principais demandas e sugestões, que são repassadas para a Comissão do e-Proc analisar e ver a possibilidade de inserção no sistema.

Estamos focando ainda nas dúvidas em relação a implantação da TPU – Tabela Processual Unificada, do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), que trata de classes de ações, movimentos, eventos e assuntos utilizados no e-Proc com geração de relatórios de estatísticas e alimentação do sistema de acordo com a verdadeira natureza processual.

Fiesc de Guaraí

Durante o trabalho a equipe da TI atendeu à solicitação da  Faculdade Fiesc de Guaraí, ministrando um curso sobre a utilização do e-Proc. Ao todo foram capacitados 122 alunos do 9º e 8º período do Curso de Direito, demonstrando como utilizar o perfil de Advogado aos futuros profissionais. “Atendemos a solicitação no período noturno com dois dias de curso no laboratório da Faculdade, os alunos gostaram muito da apresentação e o Coordenador já deixou o pedido para as próximas turmas”, conta Celma Barbosa.

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.