Deputado Federal Carlos Gaguim (PMDB-TO)
Deputado Federal Carlos Gaguim (PMDB-TO)

O deputado federal Carlos Gaguim (PMDB-TO) emitiu nota na manhã desta sexta-feira, 22, em que critica reforma do governo do Estado e diz aguardar novo modelo de gestão.

Nesta quinta-feira, 21, o governador Marcelo Miranda reduziu o número de secretarias para 14 e apresentou nomes de novos gestores.

O deputado afirmou que até o momento o governador não apresentou novo modelo de gestão. “Estou aguardando o novo modelo de gestão que o governador até o momento não apresentou. Haja vista, o fato de se reduzir secretarias não demonstra redução de estruturas administrativas, pois pode-se incorporar várias estruturas administrativas em uma única pasta, sem diminuição da máquina administrativa”, declarou.

Gaguim disse ainda que falta transparência na aplicação dor recursos públicos e sobra impositividade nas ações do governo. E que aguarda a reforma política, pois do jeito que está, dá a impressão de que se mudará apenas os nomes das pastas, mantendo tudo do jeito que já que estava.

Confira a íntegra da nota emitida por Gaguim:

A respeito da reforma administrativa anunciada pelo governo do Tocantins, declaro que no momento, ainda, estou aguardando o novo modelo de gestão que o governador até o momento não apresentou. Haja vista, o fato de se reduzir secretarias não demonstra redução de estruturas administrativas, pois pode-se incorporar várias estruturas administrativas em uma única pasta, sem diminuição da máquina administrativa.

Ademais, o fato dos servidores da saúde estarem a mais de 44 dias em greve, demonstra a precariedade da gestão dessa secretaria. Contudo o governador disse: “não negocio com grevistas!”. Isso demonstra a falta de compreensão da situação precária existente na saúde tocantinense e a falta de respeito pelos servidores que trabalham arduamente para a melhoria da saúde no Estado, muitas vezes sem condições mínimas de trabalho.

Nesse sentido, afirmo que precisamos buscar soluções para melhoria da saúde, buscando negociar com os servidores, com todo respeito e compreensão que esta classe merece. Como ex-governador do Tocantins sei que o Estado tem condições de pagar os direitos adquiridos de todos os servidores tocantinenses, inclusive a revisão salarial, basta saber aplicar melhor os recursos, realizando uma gestão mais eficiente.

Faltou a sensibilidade do Governador em ouvir a classe política, empresários, comerciantes, servidores públicos, entre outros envolvidos no desenvolvimento econômico do Estado. Falta transparência na aplicação dor recursos públicos e sobra impositividade nas ações do governo. Por isso, estamos aguardando a reforma política, pois do jeito que está, dá a impressão de que se mudará apenas os nomes das pastas, mantendo tudo do jeito que já que estava.

Deputado Carlos Henrique Gaguim ( PMDB-TO)

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.