O deputado estadual Léo Barbosa (SD) comemorou o anúncio realizado pelo comandante-geral da Polícia Militar do Tocantins, coronel Jaizon Veras, sobre a realização de um novo concurso público para o cargo de soldado. Durante a sessão solene em homenagem aos 30 das Polícias Civil e Militar, o coronel disse que o governador Mauro Carlesse autorizou a abertura dos processos para contratação da banca organizadora e que o certame deve oferecer mil vagas.

De acordo com Barbosa, o Tocantins é um Estado em pleno desenvolvimento e precisa desse reforço no efetivo, pois além de melhor atender as necessidades dos tocantinenses, proporcionará melhores condições de trabalho para os policiais. “A gente fica muito feliz em saber que os nossos quadros da segurança pública, mais especificamente da Polícia Militar, vão ser renovados por intermédio de novos militares que chegarão para as ruas de todo o Estado, dando mais segurança e melhor estruturando a PM”, destacou.

Léo ressaltou ainda o esforço do governo e do comando da PM para resolver a situação do certame realizado em 2018 e anulado por irregularidades. “Temos visto o empenho do comando em buscar a devolução dos valores das inscrições do concurso anterior e quero parabenizar o governo do Estado por entender a importância desse novo concurso. Acredito que esse aumento do contingente será fundamental para que tenhamos um Estado mais seguro, cada vez mais tranquilo para as pessoas viverem e com uma polícia militar ainda mais amparada e forte”, completou.

De acordo com a legislação pertinente à PMTO, a idade máxima para ingresso na carreira de soldado é de 30 anos. Já a remuneração inicial para o cargo é de R$ 4.455,46 e durante o curso de formação, o aluno soldado recebe R$ 2.215,10.

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.