Aparecida do Rio Negro/TO

Encontra-se recolhido na Casa de Prisão Provisória de Palmas (CPPP) um homem de 22 anos. Ele é suspeito de tentar matar a própria esposa, fato ocorrido no dia 30 de maio do corrente ano em Aparecida do Rio Negro. A ação que resultou na prisão do indivíduo foi realizada por policiais civis da 78ª DP de Aparecida, comandados pelo delegado Túlio Pereira Morta e se deu no final da tarde desta quinta-feira, 18, quando os policiais civis localizaram o homem e cumpriram mandado de prisão expedido pela Justiça em desfavor do mesmo.

De acordo com a autoridade policial, as investigações da Polícia Civil apontaram que no dia do crime, o casal teve uma discussão, entrou em luta corporal. A mulher foi lesionada com golpes de faca na altura da clavícula, mas foi socorrida e encontra-se hospitalizada sem risco de morte. Após tomar conhecimento do crime, os policiais civis da 78ª DP deram início às investigações e conseguiram levantar informações que apontavam como autor do crime o próprio companheiro da vítima.

Desse modo, a autoridade policial representou junto ao Poder Judiciário pela prisão do indivíduo, a qual foi deferida e cumprida nesta quinta-feira, quando o homem foi capturado no momento em que trabalhava na cidade de Aparecida do Rio Negro.  Durante a ação, a 78ª DP contou com o apoio da 4ª Delegacia de Palmas.

O delegado Túlio Mota ressalta que o fato ainda está sob investigação e que nos próximos dias será esclarecido por completo. O delegado ressaltou que durante o período de pandemia a prática dos delitos praticados no âmbito doméstico aumentou e por esse motivo a Polícia Civil está intensificando a atuação repressiva para coibir esses crimes.

Comentários do Facebook