O Governador Mauro Carlesse e o vice-governador do Tocantins, Wanderlei Barbosa receberam na manhã desta terça-feira, 4, no gabinete do Palácio Araguaia, o gerente do Projeto de Desenvolvimento Regional Integrado e Sustentável (PDRIS) do Banco Mundial, Satoshi Ogita; o gerente de Infraestrtutura de Transporte Latino Americano, Juan Gaviria; e o analista de Transportes da instituição, Lucas Resende. O objetivo foi discutir o andamento das obras do Contrato de Recuperação e Manutenção Rodoviária (Crema 2), que prevê a recuperação de mais de 500 Km de rodovias no Tocantins, por meio do Programa de Desenvolvimento Regional Integrado e Sustentável do Banco Mundial.

O Governador Carlesse disse que o Banco Mundial é um grande parceiro do Tocantins e avaliou a reunião como bastante produtiva. “Foi uma reunião de trabalho bastante produtiva. Apresentamos o andamento das obras contratadas e demonstramos o interesse e a necessidade que o Tocantins tem de fazer mais obras para completar a infraestrutura do nosso Estado,” disse.

Satoshi Ogita disse que a sua equipe está no Tocantins deste a semana passada para acompanhar e supervisionar as obras em andamento no estado e fez uma avaliação positiva do que viu. “Estivemos com o Governador para discutir esses avanços do PDRIS e podemos avaliar como bom e, agora, é esperar a finalização das obras. A nossa expectativa é que todas as obras serão finalizadas dentro do prazo previsto no projeto”, avaliou. De acordo com Satoshi, na oportunidade foram discutidas também a possibilidades de novas operações após a conclusão das obras em andamento.

Crema

O CREMA é um projeto financiado pelo Banco Mundial, por meio do Programa de Desenvolvimento Regional Integrado e Sustentável (PDRIS). O contrato para as obras tem duração de cinco anos. Nos dois primeiros anos, a empresa contratada executa a recuperação das rodovias previstas no projeto. Nos três últimos, a construtora fica responsável pela manutenção constante dos trechos. Essas ações fazem parte dos esforços do Governo para fortalecer o sistema logístico do Tocantins e, consequentemente, a economia do Estado.

Unale

Ainda pela manhã, o governador Mauro Carlesse recebeu a visita do presente da União Nacional dos Legisladores e Legislativos Estaduais (Unale), deputado Kennedy Nunes. Ele veio convidar o Governador para participar do Seminário Regional de Promoção e Defesa da Cidadania, que será realizado no dia 13 de junho, em Manaus (AM), com a participação dos estados da região Norte do Brasil. De acordo com a Kennedy Nunes, o evento será voltado para os temas Suicídio, Sistema Único de Segurança Pública, Automutilação e Violência contra a Mulher.

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.