Na tarde desta quarta-feira (25), a Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu grande quantidade de pescado sendo transportado de forma irregular junto com uma substância perigosa. A abordagem ocorreu na BR 153, KM 413, em Miranorte, região central do Tocantins.

Durante patrulhamento, a PRF abordou o veículo FORD/CARGO 1719, que estava sendo conduzido por um nacional do sexo masculino. No decorrer da verificação, foram encontrados 840 quilos de peixes para consumo no compartimento de carga do automóvel juntamente com 80 quilos de Amônia Anidro (ONU 1005).

Os agentes sentiram um cheiro forte vindo do compartimento e solicitaram a verificação de vazamento de amônia. O motorista apresentou as notas fiscais referentes aos produtos, porém, em decorrência da alta quantidade e risco do produto, e por não haver equipamentos específicos para o manuseamento da carga de amônia, não foi possível identificar o vazamento.

Dessa forma, a empresa emissora da nota fiscal foi contatada e solicitada a presença de um profissional com os equipamentos específicos para o manuseio da carga para que pudessem neutralizá-la. Porém, a PRF não recebeu retorno da empresa.

Diante dos fatos, foi constatado o crime de Produzir, comercializar, transportar, ter em depósito produto ou substância tóxica, além do delito de gerar perigo para a vida ou saúde de outrem. O condutor e o veículo foram encaminhados para a Delegacia de Polícia Civil de Miracema. Os órgãos competentes, Naturatins e Adapec, foram acionados para proceder com as medidas cabíveis.

Comentários do Facebook