Dando andamento a série de ações de assistência emergencial a empreendedores e setores específicos impactados pela forte crise econômica em consequência da pandemia, o secretário da Indústria, Comércio e Serviços (SICS) e presidente da Agência do Desenvolvimento do Turismo, Cultura e Economia Criativa (Adetuc), Tom Lyra, recebeu, em seu gabinete, nesta terça-feira,28, representantes  dos ambulantes e, em seguida, dos taxistas, que vieram pedir auxílio imediato do Governo do Estado para superar este momento de vulnerabilidade econômica.

Representando os ambulantes, Evandro Soares Teixeira, apresentou o cenário vivido pela categoria nos últimos dias em virtude das medidas de isolamento social adotadas para evitar a propagação do Coronavírus. Segundo o empreendedor, a Capital conta com mais de 60 ambulantes que também estão passando pela mesma situação.

 “Estamos há quarenta dias sem trabalho, sem condições de sair de casa e dependemos deste apoio para retornar às atividades e é bom saber que o governador Mauro Carlesse está preocupado com a nossa situação”, lamentou.

Além de feirante, Teixeira tem uma lanchonete na estação de ônibus Apinajé, na Capital,  onde mantem cinco funcionários que também estão em casa por causa das medidas de isolamento social “O apoio do Governo neste momento com cestas básicas vai ser muito importante para nós ”, ressaltou

O gestor das pastas, Tom Lyra, garantiu que o Governo do Tocantins está buscando viabilizar as cestas básicas para ajudar a categoria de forma imediata. E esclareceu ainda  que o governo conta com linhas de crédito disponíveis para capital de giro, através da Agência de Fomento, que beneficia o microempreendedor individual e os pequenos e médios empresários. Recursos que podem ser utilizados para a retomada das atividades como capital de giro.

“ Neste momento as pessoas precisam de um norte e o Estado tem que ser esta referência da retomada da economia, da orientação, do acesso ao crédito “, afirmou. O secretário reiterou ainda que é uma determinação do governador Mauro Carlesse que a pasta “esteja disponível 24 horas para atender a classe empresarial”.

Autônomos

Ainda pela manhã, o secretário Tom Lyra também recebeu a visita do presidente da Cooperativa Mista de Prestação de Serviços dos Condutores Autônomos de Palmas, José Amauri Gome de Lima, acompanhado do  colega de trabalho Cleudes   Lima. Eles também reivindicaram apoio imediato do Governo do Estado. “Atualmente os taxistas de Palmas estão com fluxo reduzido de passageiros impactando nos seus rendimentos e com isto, não conseguem suprir as necessidades básicas da família”, afirmou.  A cooperativa conta com 25 associados na Capital.

O secretário Tom Lyra se colocou à disposição da categoria e reiterou que o governador Mauro Carlesse está buscando apoiar todos os setores econômicos neste momento difícil.

Comentários do Facebook