A Polícia Civil do Estado do Tocantins, por intermédio da 33ª Delegacia de Polícia de Nova Olinda, cumpriu nesta quarta-feira, 8, naquele município, dois mandados de prisão preventiva em desfavor dos indivíduos de iniciais L.N.S, vulgo “Boyzim”, de 27 anos e A.S.O. vulgo “Estilete”, de 22 anos de idade.

De acordo com o delegado Luís Gonzaga da Silva Neto, titular da 33ª DP e responsável pelo caso, ambos são suspeitos do crime de homicídio que vitimou Lucas Rodrigues da Silva de 19 anos,ocorrido no dia 15 de agosto de 2019 em Nova Olinda. Segundo apurado, Lucas estava na residência de sua namorada quando os dois suspeitos adentraram arrombando a porta, momento em que ambos efetuaram vários disparos contra a cabeça da vítima, que não resistiu aos ferimentos e veio a óbito no local.

Na ocasião, a namorada da vítima presenciou o crime e reconheceu “Boyzim” como sendo um dos autores do homicídio. No decorrer dos trabalhos investigativos, os policiais civis identificaram “Estilete” como sendo o outro criminoso envolvido na ação.

Desse modo, o delegado Luís Gonzaga da Silva Neto representou pelas prisões preventivas dos investigados, que foram deferidas pelo Poder Judiciário. De posse das ordens judiciais, os policiais civis foram até a residência de L.N.S a fim de efetuar a captura do mesmo. No entanto, ao avistar os policiais civis e militares, que davam apoio à ação da Polícia Civil, o investigado tentou fugir correndo, mas foi alcançado e contido pelos agentes, que em seguida realizaram a prisão do mesmo.

Após a realização dos procedimentos legais cabíveis, “Boyzim” foi encaminhado à Casa de Prisão Provisória de Araguaína (CPPA), onde permanecerá à disposição do Poder Judiciário.

Em seguida, os policiais civis foram até o presídio Barra da Grota, em Araguaína, onde deram cumprimento ao mandado judicial contra A.S.O, o qual possui envolvimento em outros homicídios e diversos crimes. O inquérito encontra-se em andamento e tão logo seja finalizado, será remetido ao Poder Judiciário.

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.