Ciúmes teria motivado crime contra médico dentro de unidade de saúde em Santa Rosa

A polícia civil do Tocantins já começou elucidar o caso de assassinato do médico Ricardo Maciel Catuladeira Miranda, ocorrido nessa terça-feira, 1º, dentro de uma unidade de saúde na cidade de Santa Rosa Tocantins.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A principal linha de investigação é que o crime tenha sido motivado por ciúmes. A mulher do suspeito, identificado como Amilson, havia sido colega de trabalho do médico e teria deixado a função na unidade há pouco tempo.

De acordo com informações de uma moradora de Santa Rosa, repassadas a reportagem do Norte do Tocantins, a esposa do suspeito de assassinar o médico teria se apaixonado pelo médico, mas que a paixão não teria sido correspondida.

Enciumado, Amilson foi até a unidade básica de saúde de Santa Rosa por volta das 13h00 dessa terça-feira, 1º, armado com uma faca e adentrou no interior do prédio e bateu na porta da sala de descanso, onde o médico se encontrava, momento que desferiu vários golpes de faca no profissional de saúde, que ficou com um corte profundo na garganta.

Equipes da polícia estão à procura do suspeito.

Comentários do Facebook