Segurança Pública do TO apresenta instalações do Gabinete de Monitoramento das eleições 2020 a membros do Judiciário e TRE

Com o objetivo de apresentar a estrutura e também explicar a dinâmica de funcionamento do Gabinete de Monitoramento, que foi montado, utilizando-se a estrutura do Sistema Integrado de Operações (SIOP), para as eleições municipais de 2020, na tarde desta sexta-feira, dia 13, a Segurança Pública do Estado do Tocantins recebeu o juiz federal José Márcio da Silveira, que compõe o Tribunal Regional Eleitoral (TRE) do Tocantins, e também preside o Gabinete de Segurança Institucional (GSI) do órgão, bem como, o secretário do GSI, Marcos Leôncio, para uma visita técnica às instalações montadas no Quartel do Comando Geral da Polícia Militar, em Palmas.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O evento teve início, pontualmente às 14h, através de uma reunião técnica, onde o Secretário de Estado da Segurança Pública, Cristiano Barbosa Sampaio e o Comandante-Geral da Polícia Militar, Cel, Jaizon Veras, acompanhados pelo Superintendente de Segurança Integrada da SSP, e também integrante do GSI como representante da Segurança Pública, delegado Marcelo Falcão e do Diretor do SIOP, delegado Ricardo Real, deram as boas-vindas ao Juiz José Márcio da Silveira e ao secretário Marco Leôncio.

Na oportunidade, foram detalhadas as especificações e funcionalidades do Gabinete instalado nas dependências do SIOP e que vai servir de base para centralizar todas as ocorrências do Estado do Tocantins no tocante ao pleito eleitoral que será realizado no próximo domingo, dia 15. Em seguida, Cristiano Sampaio e Jaizon Veras, juntamente com os diretores do SIOP visitaram as instalações da sala de situação implantada para reunir e gerenciar todos os procedimentos referentes às eleições 2020.

Funcionamento do Gabinete de Monitoramento das Forças de Segurança

De forma clara e precisa, o secretário Cristiano Sampaio explicou aos presentes que o gabinete de monitoramento instalado no Tocantins está conectado diretamente ao Centro Integrado de Comando e Controle Nacional (CICCN), do Ministério da Justiça, o qual é responsável por reunir e acompanhar, minuto a minuto, as informações e possíveis ocorrências durante as eleições de todos os estados da federação. Nesse sentido, o secretário ressaltou que todas as ações das forças de segurança do Estado do Tocantins estão concentradas no Gabinete de Monitoramento e que o mesmo sistematizará as informações para escrever e documentar todo o processo eleitoral.

O Secretário também frisou que toda e qualquer informação de ocorrência, tanto do interior do estado, quanto da Capital, que cheguem ao Centro de Comando e Controle das forças de Segurança será imediatamente checado a fim de verificar sua autenticidade visando sempre fornecer a melhor resposta para o fato, em tempo real.

Atuação do Gabinete de Monitoramento

A visita também serviu para que os integrantes do Poder Judiciário e do Tribunal conhecessem a forma como será trabalhada a parte operacional no dia do pleito eleitoral. O objetivo do Gabinete instalado nas dependências do SIOP é, basicamente, oferecer uma resposta rápida a eventuais incidentes que possam vir a ocorrer e também ser um local de convergência e tratamento das informações que chegarão e serão transmitidas oficialmente ao Tribunal Regional Eleitoral. Eventualmente, se for preciso uma intervenção operacional onde seja necessária a integração de várias forças de segurança, haverá autoridades no Gabinete que poderão tomar decisões nesse sentido.

Avaliação do Secretário da Segurança Pública

Para o secretário Cristiano Sampaio, a visita foi muito proveitosa e serviu para que os membros do Tribunal Regional Eleitoral e também do Poder Judiciário conferissem “in loco” todos os procedimentos que estão sendo adotados visando garantir a segurança das eleições 2020. “Esse encontro hoje aqui é importante para que todas as instituições que atuam diretamente no processo eleitoral possam conferir todos os esforços que estão sendo feitos pelas forças de segurança no intuito de atender e contribuir para que tenhamos eleições pacíficas e seguras em todo o estado. Então, esse planejamento que foi realizado de maneira conjunta pelas forças de segurança certamente vai resultar em uma otimização de recursos visando prover tranquilidade a todos a população que vai votar e também para aqueles que irão trabalhar no pleito”, ressaltou o Secretário.

Cristiano Sampaio também ressaltou que estão sendo feitas as últimas conferências durante as visitas no sentido de verificar a estrutura montada. “Já estamos conectados ao Centro Nacional de Comando e Controle do Ministério da Justiça o que vai permitir que o Tocantins esteja conectado com Brasília e com o Brasil todo para que possamos informar sobre a segurança das eleições do nosso Estado. As forças de Segurança estão prontas para operar e já estão trabalhando em todas as regiões do estado”, disse o secretário.

Já o coronel Jaizon Veras, comandante-geral da Polícia Militar classificou a visita como muito significativa, pois é importante que todos os órgãos e instituições diretamente envolvidos no processo eleitoral das eleições 2020 estejam em sintonia, o que possibilita a realização de um trabalho com ainda mais qualidade. Na ocasião, ele também destacou como será a atuação da corporação. “Além do nosso efetivo normal, outros 1450 policiais militares estarão envolvidos diretamente no processo eleitoral, a fim de garantir a segurança do todos os envolvidos nas eleições. O contingente de policiais tanto operacionais como administrativos já se deslocou em direção aos municípios do interior, bem como para 11 aldeias indígenas. Trabalhamos de forma integrada com as demais forças de segurança, pois através do trabalho integrado, as chances de se obter êxito nas ações são muito maiores”, ponderou.

O juiz José Márcio da Silveira, coordenador do Gabinete de Segurança Institucional, se disse satisfeito com a visita e enalteceu os preparativos e o planejamento que estão sendo realizados para garantir a segurança das eleições 2020. “Saímos muito bem impressionados com o trabalho que tem sido feito. As forças de segurança estão preparadas para proporcionar a todos os eleitores o tranquilo exercício da cidadania. Dessa forma, todos poderão comparecer aos locais de votação sabendo que toda a segurança foi feita e está bem planejada, visando à tranquilidade e a segurança de todo pleito eleitoral”, finalizou.

Comentários do Facebook