Helder Barbalho - Governador do Pará

Nessa terça-feira, 10, uma ação civil pública, assinada pelo Procurador-Geral de Justiça do Estado do Pará, Gilberto Valente Martins, pede afastamento do governador Helder Barbalho (MDB).

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Pesa contra Barbalho o caso da compra com dispensa de licitação de 400 ventiladores pulmonares da empresa SKN do Brasil Importadora e Exportadora de Eletrônicos LTDA, que seriam para tratar  pacientes com a Covid-19, mas nenhum dos aparelhos funcionaram.

A aquisição custou aos cofres do Pará a cifra de R$ 50,4 milhões e teve adiantamento de R$ 25,2 milhões.

O Procurador-Geral aponta existência de padrão de corrupção sistêmica na atual gestão do Estado do Pará, com ingerência direta do governador e também pede quebra de sigilo bancário e fiscal, além de indisponibilidade de bens.

A ação de improbidade administrativa, pede indenização por danos morais coletivos e medidas cautelares de afastamento de cargo, indisponibilidade de bens, quebra de sigilo bancário e fiscal, foi protocolada junto à 1ª Vara de Fazenda da Capital.

Comentários do Facebook