Imagem iilustrativa

Uma ação de compartilhamento de informações entre a Polícia Civil do Tocantins, por meio da 68ª Delegacia de Miracema do Tocantins, e a Polícia Militar do Distrito Federal resultou na prisão de um homem de 19 anos, nesta quinta-feira, 8, na Capital Federal. Ele é um dos suspeitos do crime de tentativa de latrocínio praticado contra dois homens no mês de junho em uma fazenda localizada na zona rural de Miracema. O suspeito foi preso em cumprimento a mandado de prisão preventiva expedido pelo juízo da Comarca de Miracema do Tocantins.

Conforme o delegado Clécyws Antônio de Castro Alves, responsável pelo caso, logo após o crime, os policiais civis da 68ª DP iniciaram as investigações e descobriram a autoria do latrocínio tentado, que teria sido praticado por dois homens que surpreenderam as vítimas e após subtrair a motocicleta das mesmas, efetuaram disparos de fogo que atingiram os dois homens.

“Com a identificação positiva dos suspeitos, representamos pela prisão preventiva dos dois indivíduos sendo que, posteriormente, descobrimos que um deles estaria escondido em Brasília. Diante disso, repassamos as informações para a equipe de inteligência do Comando de Policiamento Especial da PM-DF, que fez o levantamento que resultou no cumprimento ao mandado de prisão preventiva do homem de 19 anos”, disse o delegado.

Após a prisão, o homem foi recolhido ao presídio da Capital Federal, onde permanecerá à disposição do Poder Judiciário da Comarca de Miracema, cidade para onde deverá ser recambiado para responder pelos fatos que lhes são imputados.

Comentários do Facebook