O cenário com possíveis candidatos ao Governo do Estado do Tocantins começa a tomar forma a pouco menos de um ano para as eleições de 2018. Pois no dia 7 de outubro do ano que vem, os eleitores vão decidir quem será o governador, os senadores, deputados federais e estaduais do Tocantins.

E já pensando nisso o atual governador Marcelo Miranda segue com as articulações, nesta segunda-feira, 16, o prefeito de Araguaína Ronaldo Dimas (PR), os deputados federais Lázaro Botelho (PP) e César Halum (PRB) se reuniram com ele e o senador Vicentinho Alves (PR), no Palácio Araguaia, o encontro pode ser um novo grupo que passa a ser formatado para a disputa do ano que vem.

Como diz um ditado popular que águas passadas não movem moinhos, Lázaro Botelho e César Halum foram adversários de Ronaldo Dimas nas eleições municipais de 2016. A esposa de Botelho, a deputada Vaderez Castelo Branco foi candidata a prefeita de Araguaína, tendo como candidato a vice Nahim, irmão de Halum. Agora as três forças se unem para 2018.

O selo da união do trio araguainense foi batizado como um pacto por Araguaína. Com essa formatação o grupo ganha força na região norte, onde os três têm reduto eleitoral. Por enquanto, o consenso é que Marcelo Miranda vai à reeleição e Halum ao senado.

 

Comentários do Facebook