IML

O corpo de Alessandro Amaral do Santos, de 49 anos, aguarda liberação no Instituto Médico Legal (IML) de Palmas há mais de um ano. De acordo com o órgão, apesar de identificado, nenhum parente procurou a unidade para reconhecê-lo. Outros três corpos localizados no último fim de semana foram identificados.

De acordo com a Superintendência da Polícia Científica do Tocantins, Alessandro morreu no dia 20 de março de 2019 após dar entrada no Hospital Geral de Palmas (HGP). Ele havia dado entrada na unidade no dia 18 de março, já inconsciente e morreu de causas naturais.

Quem tiver informações que possam ajudar na localização de familiares deve entrar em contato com o IML pelo telefone (63) 3218-6840 ou ir à sede do Instituto, que fica na quadra 304 Sul, centro da capital.

Para que o corpo seja liberado, parentes devem entrar em contato com o IML, checar os dados e apresentar documentos que comprovam o parentesco. Só depois o corpo é liberado, entregue à família ou à funerária.

Comentários do Facebook