Prefeitos de Peixe e Cristalândia afastados em operação da PF sobre fraude no transporte escolar / Foto: PF

Dois prefeitos, de Peixe, José Augusto Bezerra Lopes (DEM) e de Cristalândia, Cleiton Cantuário Batatinha (PSB) estão afastados dos cargos por tempo indeterminado após a Operação Direct, da Polícia Federal, cumprir a ordem de suspensão cautelar do exercício da função pública expedida pelo Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF), em Brasília.

Segundo o site a operação mira um suposto esquema de fraudes no transporte escolar em contratos de mais de R$ 13 milhões. As investigações da polícia federal apontam que os prefeitos supostamente estavam recebendo propina de uma empresa que presta serviços de transporte escolar desde 2017. Em comunicado, a PF afirma que as buscas recaem sobre um empresário e agentes públicos suspeitos de realizarem fraudes em licitações, desvio de recursos públicos e pagamentos a título de corrupção.

As investigações apuram um possível favorecimento do empresário em pregões dos municípios de Cristalândia e Peixe para contratação de transporte escolar e a realização de depósitos e transferências de valores a agentes públicos dos municípios, no mesmo período em que ocorreram as contratações. A ação tem como objetivo coibir a continuidade das supostas ações criminosas e colher elementos probatórios para a conclusão do inquérito policial e instrução de futura ação penal em face dos envolvidos. (G1/TO)

Comentários do Facebook