Foto: Ricardo Botelho/Min. da Infraestrutura

A Bancada Federal do Tocantins reuniu nesta quinta-feira, 29, no Ministério da Infraestrutura para a assinatura da Ordem de Serviço da Construção da Ponte sobre o Rio Araguaia, entre os municípios de Xambioá (TO) e São Geraldo (PA).

Durante a assinatura, o Ministro Tarcísio de Freitas lembrou aos parlamentares que conhece o trabalho da empresa responsável pela execução da obra, que trata-se de uma das melhores do País e o Governo Federal está comprometido a entregar esta obra.

Tarcísio de Freitas explicou que a partir de hoje a empresa tem até seis meses para entregar o projeto, mas com o objetivo de agilizar a execução, os canteiros de obra já serão iniciados de imediato.

Vicentinho Júnior agradeceu o ministro Tarcísio de Freitas pelo compromisso com o Tocantins. “Em audiência no dia 21 de agosto, o Ministro se comprometeu a reunir a bancada o mais breve possível para assinar a ordem de serviço com início imediato das obras. Sou imensamente grato por saber que o governo federal está comprometido em apresentar alternativas que viabilizem o desenvolvimento do País”, disse.

Recursos

A obra da Ponte de Xambioá foi contemplada pelo Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), com orçamento inicial de R$ 160 milhões, dos quais R$ 100 milhões foram garantidos por emenda impositiva da bancada federal do Tocantins em 2017.

Membro da Comissão de Viação e Transportes (CVT), o deputado federal Vicentinho Júnior (PL-TO) destinou ainda em seu primeiro mandato uma emenda de R$25 milhões para contemplar esta tão importante obra para o País. “Em 2017, estive em Xambioá, na assinatura do contrato realizada pelo presidente Michel Temer, e após dois anos de entraves na Justiça, hoje o Ministro Tarcísio de Freitas, representando o presidente Jair Bolsonaro, junto com a Bancada do Tocantins e a equipe do Dnit deu a Ordem de início imediato desta construção e garantiu que esta obra será entregue por este governo”.

Presentes

Participaram do encontro os deputados federais Eli Borges (SD), Osires Damaso (PSC), Vicentinho Júnior (PR), Dulce Miranda (MDB) e Tiago Dimas (SD). Do departamento Nacional de Infraestrutura e Transportes, o Diretor Geral General Santos Filho; o diretor geral de construção rodoviária, Lucas Vissoto; o engenheiro de projetos, Victor Falcão; o diretor de planejamento e pesquisa, Luiz Guilherme Melo.

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.