Eliana Castro

Eliana Castro deixou o cargo de diretora técnica do Sebrae Tocantins para lançar sua pré-candidatura a deputada federal pelo Partido Progressista (PP). Sua principal bandeira é o empreendedorismo e a representatividade política feminina no Congresso Nacional. Grandes são os feitos no currículo, como a gestão do programa Força Mulher – que capacita mulheres em situação de vulnerabilidade social através de parceria com os Centros de Referência de Assistência Social (CRAS) e em seguida fornece as ferramentas para que possam começar seu próprio negócio.

“As mulheres representam 50% de negócios no Tocantins. Como diretora do Sebrae, empoderei mulheres para serem donas do seu próprio negócio. Como uma empreendedora ativa decidi ser candidata para mudar o panorama do Tocantins e ajudar as mulheres que sonham em mudar de vida”, defende.

“Sempre estive à frente de movimentos como feiras que fomentam a economia nas cidades. Foi assim que me aproximei do Sebrae. Foram 10 anos e 10 edições do projeto Feirão da Lua em Gurupi”, conta sobre ao resgatar sua história com o Sebrae, que foi se afunilando. “Estive no projeto ‘Empreender’ e em seguida no ‘Negócio a Negócio’, até que em 2018 fui indicada para o processo eletivo da Diretoria Técnica (2019/2022)”.

“Defendo o Sistema S porque sei da sua importância para o desenvolvimento dos pequenos negócios. Na gestão em que assumi a Diretoria Executiva, conseguimos aumentar a presença atendendo mais pequenos negócios, aumentamos o investimento do Sebrae no Tocantins elevando o Sebrae/TO a 2º posição no país entre os Sebrae’s. Das várias frentes de trabalho e projetos que posicionaram o Sebrae/TO como referência está, inclusive, o Brasil pra Elas – uma política pública do Governo Federal voltada para o desenvolvimento da economia através do empreendedorismo feminino”, conta Eliana Castro.

A pré-candidata afirma que “por esses e outros motivos defendo tanto às mulheres e o empreendedorismo e o papel fundamental que o Sebrae desenvolve. Minha vida sempre foi de luta e eu represento as mulheres que lutam por sobrevivência porque sou uma delas”.

Desde 1989 no Tocantins, Eliana Castro residiu por 30 anos em Gurupi, onde constituiu família, sendo mãe de gêmeos. Naquela cidade empreendeu por 17 anos no ramo de comércio de artigos vestuários. Psicóloga por formação pela Universidade de Gurupi (Unirg), Eliana representa as milhares de mulheres chefes de família.

Comentários do Facebook