A Policia Militar (PM) prendeu na noite dessa sexta-feira, 14, dois homens, 31 e 53 anos, acusados de porte ilegal de arma de fogo, no Centro da cidade de São Miguel do Tocantins. A PM realizava patrulhamento de rotina quando recebeu informações dando conta de que no local estava ocorrendo atos de disparos de arma de fogo, ameaça e violência física contra uma mulher de 30 anos.

De imediato os policiais militares chegaram ao local e efetuaram a prisão dos acusados. De acordo com testemunha, um dos autores era esposa da vítima, e ameaçava de bater na companheira por motivos que não foram revelados. O sogro, na tentativa de defender a filha, se armou com uma espingarda artesanal “bate bucha”, populares interviram tomando a espingarda das mãos do autor, mas o acusado conseguiu outra arma, dessa vez, uma garrucha, também artesanal.

O genro, de posse de uma espingarda artesanal bate bucha, ameaçou o sogro; houve disparos de arma de fogo, que segundo testemunhas foi efetuado pelo genro em direção ao alto. Ninguém se feriu.

A PM apreendeu as três armas e conduziu os autores à presença da autoridade competente na Central de Flagrantes em Araguatins para as providências pertinentes ao caso.

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.