A Polícia Civil do Estado do Tocantins, por meio da  1ª Divisão Especializada de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), esclarece que o vídeo que está circulando em redes sociais, atribuindo a culpabilidade de homicídio praticado na Capital, na última sexta-feira, dia 24, não foi repassado pela Polícia Civil e, portanto não é uma divulgação oficial.

A DHPP esclarece também que as investigações estão em andamento e que as equipes da Divisão estão realizando diligências e investigações no sentido de desvendar a autoria e a motivação para o crime.

Por fim, esclarece que qualquer notícia de interesse sobre o caso será divulgada somente pela Diretoria de Comunicação da Secretaria da Segurança Pública (SSP), pois este é o canal oficial de comunicação da Polícia Civil. Reitera, ainda, que condutas como as apresentadas (divulgação de vídeos, áudios, mensagem de texto), com tentativa de imputar autoria a quem quer que seja, em nada contribuem com as investigações que estão sendo realizadas e ainda colocam em risco pessoas que estão sendo expostas nas mídias sociais.

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.