Imagem iilustrativa

A Polícia Civil do Estado do Tocantins, por intermédio da 69ª Delegacia de Tocantínia, deflagrou nesta quarta-feira, dia 11, a operação “Risca Faca”, dando cumprimento a Mandado de Prisão Temporária de 30 dias em desfavor de um indivíduo de iniciais F.A.R., 22 anos, suspeito de ser autor de tentativa de homicídio qualificado tendo como vítima Geraldino Pereira da Silva, 43 anos.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O fato ocorreu na madrugada de 20.09.19, quando a vítima encontrava-se no estabelecimento comercial Churrasquinho Bar Pais e Filhos, município de Tocantínia, quando F.A.R. apareceu furtivamente, sem falar nada e de surpresa desferiu uma facada nas costas de Geraldino. A vítima virou-se quando o investigado desferiu novo golpe, vindo a atingir a mão da mesma. De acordo com o delegado Gustavo Henrique da Silva Andrade, a motivação para o crime seria uma desavença ocorrida entre os envolvidos durante um jogo de sinuca ocorrido há 4 anos.

“Por meio de diligências e investigações, conseguimos descobrir que F.A.R estaria escondido em uma fazenda na zona de Miracema, desse modo, fomos até o local e conseguimos efetuar a prisão do homem, o qual responderá pelo crime que lhe é imputado”, disse o delegado Gustavo Henrique. A autoridade policial também ressaltou que com a prisão do indivíduo será possível esclarecer todas as circunstâncias do crime e concluir as investigações.

A Polícia Civil reforça o compromisso com a população de Tocantínia em garantir a segurança da comunidade em seus momentos de lazer. O nome “Risca Faca” faz alusão às conhecidas brigas que ocorrem em bares populares.

Comentários do Facebook