Com propostas principais de orientar os municípios na gestão e execução do Cadastro Único e Programa Bolsa Família e qualificar técnicos, gestores e membros das instâncias de controle social, na uniformização e multiplicação das informações, o Governo do Tocantins, por meio da Secretaria do Trabalho e Desenvolvimento Social – Setas, realiza, no período de 7 a 11 de outubro, visitas técnicas em Lagoa da Confusão, Crixás, Santa Rita e Oliveira de Fátima. Durante o evento, acontecem também reuniões com as famílias beneficiárias dos programas.

As visitas técnicas aos municípios tem objetivo de garantir a qualidade dos serviços prestados, assim como a continuidade das ações de busca ativa das famílias pobres e extremamente pobres, priorizando os grupos tradicionais e específicos no acesso a serviços e benefícios socioassistenciais e a outras políticas públicas, segundo a responsável pelo setor de Cadastro Único e Bolsa Família na Setas, Carmem Vendramini.

As visitas técnicas acontecem por solicitação dos municípios, a partir do levantamento realizado no sistema, onde se identificou municípios com gestores novos no período de 06/2018 a 06/2019. As ações já foram realizadas em 26 municípios.  No total, cerca de 40 municípios serão atendidos.

Cadastro Único

O Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (Cadastro Único) é um instrumento que identifica e caracteriza as famílias de baixa renda, permitindo que o governo conheça melhor a realidade socioeconômica dessa população. Nele são registradas informações como: características da residência, identificação de cada pessoa, escolaridade, situação de trabalho e renda, entre outras. Ao todo 30 programas são atendidos no Cadastro Único.

No Tocantins o total de famílias inscritas no Cadastro Único, em junho de 2019, era de 292.882.

PBF

O Programa Bolsa Família (PBF) é um programa de transferência direta de renda com condicionalidades, que beneficia famílias em situação de pobreza.

No Tocantins, 116. 179 famílias receberam o benefício do Programa Bolsa Família, em agosto de 2019. As famílias recebem benefícios com valor médio de R$ 189,83 e o valor total transferido pelo governo federal em benefícios às famílias tocantinenses atendidas alcançou R$ 22.054.755,00 no mês. (Informações do Ministério do Desenvolvimento Social).

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.