Augusto Rezende e Darlene Castro são empossados para o primeiro mandato eletivo da Unitins

Os professores, Augusto Rezende e Darlene Castro foram empossados pelo governador do Estado do Tocantins, Mauro Carlesse, nesta terça-feira, 18, como reitor e vice-reitora da Universidade Estadual do Tocantins (Unitins), respectivamente, para o triênio 2020/2023. Eles são os primeiros dirigentes eleitos em 30 anos de implantação da instituição, com a participação do corpo discente, docentes e técnicos administrativos da instituição. A cerimônia contou com a participação do secretário-chefe da Casa Civil, Rolf Vidal.

O pleito foi realizado no dia 25 de junho, por meio virtual, a partir de uma plataforma eletrônica. A chapa única encabeçada pelo professor Augusto Rezende para reitor e a professora Darlene Castro para vice-reitora, obteve 29,06% dos votos dos discentes que participaram da votação; 30,04% dos docentes; e 31,08% do corpo técnico-administrativo, totalizando 91,08% dos votos registrados.

O governador Mauro Carlesse destacou que essa eleição tem um grande significado, porque entende que a escolha dos reitores deve partir da própria comunidade universitária. “A escolha dos reitores das universidades deve partir dos próprios professores, alunos e servidores porque permite liberdade para eleger uma pessoa com capacidade. O Augusto Rezende tem essa capacidade, foi eleito pela maioria e eu fiquei feliz porque acho que uma universidade tem que ter qualidade e isso começa pelo seu reitor. O que eu imagino para o Tocantins, essa liberdade, a qualidade e a formação de gente com capacidade para o Estado crescer”, ressaltou lembrando que está empenhado em implantar os cursos de Medicina no Bico do Papagaio. “Em breve vamos anunciar esse curso, que será muito importante para a Unitins, para a região e até para o Brasil”, ressaltou.

Augusto Rezende também destacou o aspecto democrático de uma reitoria eleita. “Foi a demonstração de uma ação democrática, de respeito à academia por parte do Governador. Uma grande vitória e, agora estamos no patamar de outras universidades do Estado e do Brasil, com esse aspecto democrático”. O reitor eleito também destacou que esse mandato que se encerrou foi de transição e muitas mudanças, mas o governador Mauro Carlesse sempre apoiou a instituição. “Encontramos uma instituição desprestigiada e desregulamentada perante a sua estrutura documental, mas hoje regulamentamos todos os cursos e criamos um plano de estruturação da parte física, de melhoramento das estruturas, além de um plano de melhorias de laboratórios”.

O reitor destacou que por determinação do governador Mauro Carlesse foram realizados os estudos que culminaram com a implantação de um campus da Unitins em Paraíso do Tocantins, que conta com os cursos de Direito, Ciências Contábeis e tecnólogo em Agronegócios. Para esse mandato que se inicia, Augusto Rezende disse que o desafio será a implantação do curso de Pedagogia, em Palmas, e Medicina em Augustinópolis, na região do Bico do Papagaio. “A Universidade é uma ferramenta de desenvolvimento, e a gente entende que a partir do momento que eu formo um aluno, ele vai exercer a sua atividade no mercado local e promover desenvolvimento. Com esse apoio do Governador temos a convicção que vamos tornar a Unitins grande, inovadora e tecnológica, é isso que a sociedade espera de nós”.

Comentários do Facebook