A Polícia Civil do Tocantins (PC-TO), por meio da 81ª Delegacia de Polícia de Ponte Alta do Tocantins, identificou a mãe da criança que foi deixada na porta de um Hospital da cidade nesta segunda-feira, 7.  A mulher se apresentou espontaneamente e relatou ter abandonado a criança em razão de ter ficado deprimida após o parto, tendo sido encaminhada prontamente ao serviço de saúde e assistência social.

As circunstâncias do abandono continuarão a ser apuradas, todavia, a hipótese de que a situação de vulnerabilidade econômica possa ter influenciado para agravar o estado emocional apresentado após o nascimento da criança, não pode ser descartada. Foram solicitadas as perícias de praxe e comunicado o Ministério Público.

A criança continuará sob os cuidados da justiça até que a questão seja definitivamente resolvida.

Comentários do Facebook