Palmas Tocantins terá dois voos semanais da Azul a partir do dia 16, operados com a aeronave 195 E2 da Embraer, com capacidade para até 136 assentos, sendo 28 deles de Espaço Azul – que conta com maior espaço entre as poltronas.

No total, a Azul reabre cinco bases de operação no país em junho e deve chegar a 168 voos diários. Ponte Aérea retorna a Congonhas, uma das bases reabertas, terá voos inéditos para Palmas, Recife, Fortaleza e Cuiabá; cidades do Nordeste, interior de SP e do Mato Grosso também voltarão a contar com operações da aérea.

Existe um tráfego de pessoas que precisam do transporte aéreo para se locomover e a necessidade de logística é muito necessária neste momento, principalmente porque muitas cidades ainda estão desconectadas pelo transporte rodoviário. Por isso, Viracopos é um hub muito importante para nós. De lá, conseguimos conectar os clientes a praticamente toda malha da Azul disponível. Adotando os protocolos sanitários e garantindo a segurança de nossos clientes, estamos ampliando a quantidade de voos e cidades conforme a necessidade, pontua André Mercadante, gerente geral de Planejamento de Malha da Azul.

Comentários do Facebook